Campo

Foto: Juliano Ribeiro As inscrições serão realizadas nos locais dos eventos As inscrições serão realizadas nos locais dos eventos

Para estimular a produção de leite no Tocantins a Secretaria do Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária (Seagro) e parceiros organizam o Workshop da Pecuária de Leite em três regiões do Estado. O evento acontecerá, primeiramente no dia 26 em Colmeia (Centro-Norte), dia 27, em Augustinópolis (Bico do Papagaio) e, por último, no dia 29, em Taguatinga (Sudeste).

Nos encontros estão previstos cerca de 70 pessoas em cada workshop, entre produtores de leite, laticinistas e técnicos extensionistas rurais. As inscrições serão realizadas nos locais dos eventos e, para mais informações procurar os escritórios do Instituto de desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins) nos municípios, onde serão realizados os eventos. 

Na programação temas como melhoramento genético, manejo nutricional e programa de incentivo a produção de leite. Serão as mesmas palestras para os três eventos, sendo: “Impacto do melhoramento genético na produção de leite”; “Manejo nutricional em vacas de leite”; “Programa Leite Mais Saudável”, seguido de discussões no final das palestras.

Para o zootecnista da Seagro, Alan Oliveira, o workshop tem como objetivo estimular a produção leiteira no Estado. “A nossa intenção é capacitar os produtores no manejo produtivo e reprodutivo no rebanho de leite para que possam aumentar a produção, e consequentemente proporcionar a geração de renda nas propriedades rurais”, enfatizou.

Produção

Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), atualmente o Estado produz uma média de 325 milhões de litros de leite bovino por ano, terceira maior da região Norte. De acordo com o zootecnista Alan Oliveira, o Tocantins tem potencial para crescer ainda mais essa produção. “É justamente isso que buscamos com os workshops, oferecer capacitação e apresentar opções para aumentar a produção para atender os laticínios (indústrias que produzem derivados do leite) que trabalham atualmente com a metade de sua capacidade”, argumentou. 

São parceiros no evento o Ruraltins e as empresas Alta Genetics e Phostins.