Polí­cia

Foto: Reprodução/ Facebook

O repórter cinematográfico, Gonçal Barros faleceu na tarde do último sábado, 23, após sofrer acidente de trânsito em Gurupi.  Ele estava em uma motocicleta que foi atingida por um carro, no perímetro urbano da cidade. Gonçal chegou a ser levado para o Hospital Regional do município, mas não resistiu. 

A Secretaria Estadual de Comunicação (Secom/TO) lamentou, por meio de nota de pesar. Segundo a pasta, o profissional era um gênio. "Era um gênio cinematográfico que fazia o seu trabalho ficar ainda mais especial pela lente de uma câmera. O resultado final de uma cena, era tão impressionante que os recursos, filtros, ou edições ficavam em segundo plano diante de tanta perfeição". 

O Ministério Público Estadual (MPE/TO) também prestou pesar. "É com profundo sentimento de pesar que o Ministério Público do Tocantins lamenta a morte do repórter cinematográfico Gonçal Barros, irmão do servidor Jales Barros, da Assessoria de Comunicação. Membros e servidores do Ministério Público manifestam solidariedade com Jales e seus familiares, neste momento de dor". 

Confira abaixo as notas de pesar. 

Nota Secom

É com imenso pesar que a Secretaria de Estado da Comunicação do Tocantins recebe a notícia do falecimento do repórter cinematográfico, Gonçal Barros,  ocorrido na tarde deste sábado, 23, na cidade de Gurupi, vítima de acidente de trânsito.

O talento de Gonçal com as imagens trasbordava na televisão de milhares de tocantinenses. Era um gênio cinematográfico que fazia o seu trabalho ficar ainda mais especial pela lente de uma câmera. O resultado final de uma cena,era tão impressionante que os recursos, filtros, ou edições ficavam em segundo plano diante de tanta perfeição. Hoje ele nos deixou, mas temos certeza que a partir de agora não fará somente imagens do Tocantins, lá de cima, ele poderá eternizar imagens do mundo inteiro. 

Nesse momento de dor nos solidarizamos com a família , amigos e colegas da imprensa, pedindo a Deus o conforto necessário aos nossos corações.

Secretaria de Estado da Comunicação

------------------------------------------------------------------------------------------------

Nota MPE-TO

É com profundo sentimento de pesar que o Ministério Público do Tocantins lamenta a morte do repórter cinematográfico Gonçal Barros, irmão do servidor Jales Barros, da Assessoria de Comunicação.

Gonçal faleceu na tarde deste sábado, 23, na cidade de Gurupi, vítima de acidente de trânsito.

Membros e servidores do Ministério Público manifestam solidariedade com Jales e seus familiares, neste momento de dor.

MPE/TO