Polí­tica

Foto: Divulgação

Durante reunião de líderes do Senado que compõem a base aliada do Palácio do Planalto, o senador Vicentinho Alves (PR-TO) comunicou Michel Temer que votará pela rejeição do Veto nº 30/2017, pautado na Ordem do Dia da sessão do Congresso Nacional convocada para esta quarta-feira, 8, em apoio aos prefeitos do Tocantins.

A matéria parcialmente vetada "dispõe sobre o parcelamento de débitos com a Fazenda Nacional relativos às contribuições previdenciárias de responsabilidade dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, e sobre a revisão da dívida previdenciária dos Municípios pelo Poder Executivo federal; altera a Lei nº 9.796, de 5 de maio de 1999; e dá outras providências".

Na oportunidade, o senador lembrou ao presidente que durante a solenidade de lançamento das obras da ponte de Xambioá, ocorrida em setembro deste ano, ele foi porta voz dos prefeitos tocantinenses e pediu que a matéria não fosse vetada.

“Disse ao presidente que já fui prefeito e presidente da ATM (Associação Tocantinense de Municípios) e, portanto, sei das dificuldades que os municípios estão enfrentando para equilibrar as contas. Sugeri, então, reunião dos líderes de partidos no Senado com o líder do governo, Romero Jucá, para buscarmos uma alternativa que não prejudique as prefeituras”, disse o senador Vicentinho Alves.