Geral

Foto: Nacim

O secretário de Estado de Recursos Hídricos e Meio Ambiente, Fábio Lelis, recebeu na manhã desta segunda-feira, 21, representantes da Comunidade Quilombola da Lajinha, localizada na região sudeste do Tocantins.

O representante Darleno Avelino fez um breve relato sobre da realidade da comunidade, relacionada à seca que nos últimos anos vem castigando a região, “foram feitos vários pedidos de poços artesianos e de barragens para o governo, mais infelizmente não fomos atendidos” disse Avelino.

Para Rogério Ribeiro, coordenador da Associação da 3ª Idade Vida Nova de Porto Alegre do Tocantins e articulador do encontro, a Secretaria de Recursos Hídricos sempre atendeu a comunidade com medidas paliativas, através de caminhão pipa, tambores para armazenar água e cestas básicas. Segundo ele, vários levantamentos técnicos e diagnósticos foram feitos na região e o que realmente faltou foi à concretização por parte da Secretaria de Estado da Infra-estrutura, “tudo era centralizado naquela secretaria”, afirmou Ribeiro.

Ao término da audiência o secretário Fabio Lelis, demonstrou preocupação e chamou sua equipe técnica para maiores detalhes sobre a situação. De imediato ele autorizou a presença dos técnicos nas comunidades da Lajinha, formada por 25 famílias e na comunidade do São Joaquim, com 35 famílias, para um novo levantamento da real situação e a marcação dos pontos para açudes nas comunidades. Os trabalhos técnicos estão marcados para a próxima quarta feira 23.