Estado

Depois do anúncio do governo do Tocantins em aumentar a jornada de 6 para 8 horas de trabalho diárias, vários servidores públicos tem procurado suas entidades de classe para reclamar sobre essa decisão. O Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita Estadual (Sindifiscal) vem recebendo inúmeras ligações e pedidos. Diante dessas ligações e da grande procura por parte dos servidores, o presidente do Sindifiscal, José Ronaldo dos Santos, que é favorável pela manutenção da jornada de trabalho de 6 horas diárias, vai propor ao governo que seja realizado um estudo técnico sobre o assunto e, de forma técnica e democrática, tomar as decisões necessárias.

O presidente disse ainda que de acordo com que tem anunciado e determinado o governador e secretários no sentido de reduzir os custos da máquina em até 70%, "talvez, quem sabe, após o estudo, a jornada de 6h seja uma boa oportunidade para redução de custos, racionalização e eficiência da máquina pública do Tocantins”, pontuou Zé Ronaldo.

José Ronaldo acredita que só depois de uma análise aprofundada é que se terá a exata certeza quanto à decisão de aumentar ou não a jornada de trabalho. “Não podemos correr o risco de errar, já pensou se o estudo comprovar que com uma jornada de 6 horas diárias de trabalho a sociedade tocantinense será bem atendida, com maior produtividade e eficiência na prestação do serviço público, além da satisfação no trabalho por parte dos servidores e economia da máquina pública com a diminuição dos custos? Dessa forma, espero que o governador decline da decisão, aceite nossa propositura e, certamente, estaremos contribuindo para que o governo acerte mais”, finalizou Ronaldo.

A determinação que aumenta a carga horária de trabalho dos servidores públicos estaduais de 6 horas para 8 horas diárias foi definida na última segunda-feira, 3, pelo governador Siqueira Campos (PSDB) e sua equipe de Governo, e deve vigorar a partir de quarta-feira, 5, data prevista para a publicação da decisão no Diário Oficial.

Fonte: Assessoria de Imprensa/Sindifiscal