Estado

Foto: Emerson Elias Fórum foi apresentado à imprensa nesta sexta-feira Fórum foi apresentado à imprensa nesta sexta-feira

A Secretaria Estadual de Ciência e Tecnologia do Tocantins (SECT) apresentou à imprensa na manhã desta sexta-feira, 17, na sede da Federação das Indústrias do Estado do Tocantins (FIETO), o Fórum Tocantinense de Ciência, Tecnologia e Inovação a ser realizado no próximo dia 21. Participaram da coletiva o secretário estadual de Ciência e Tecnologia, Borges da Silveira, o chefe de gabinete da presidência da FIETO, José Roberto Fernandes, presidente da Fundação de Amparo a Pesquisa do Tocantins (FAPT), Andrea Stival, presidente do Conselho Regional de Administração, Rogério Ramos e o superintendente do SEBRAE Tocantins, Paulo Massuia.

O fórum, que será realizado no campus II da Universidade Católica do Tocantins, irá debater os seguintes temas: agricultura, pecuária e aqüicultura, saúde, educação, meio ambiente e recursos naturais, tecnologia da informação e comunicação, energia renovável, logística, inovação tecnológica e planejamento urbano e segurança pública. Na oportunidade, o Sistema FIETO levará para palestrar no fórum, a gerente executiva do SESI, Rosilene Jaber, arquiteto e o consultor técnico do SENAI, Ricardo Lemos, consultor em logística, Olivier Girard, superintendente do IEL de Santa Catarina (SC), Natalino Uggioni e gerente do SESI em Palmas, Edson Cabral.

Representando o presidente da FIETO, Roberto Pires, o chefe de gabinete da presidência da FIETO, José Roberto Fernandes, fez abertura do evento e frisou a importância da inovação para o Tocantins. “É com enorme prazer que a Federação das Indústrias abre as portas para falar destes temas essenciais para o Estado: ciência, tecnologia e inovação. Somos testemunhas de que cada vez mais os empresários do Tocantins precisam e consideram um sonho avançar em tecnologia e inovação”.

De acordo com o secretário de Ciência e Tecnologia, Borges da Silveira, mais de 150 pessoas já estão inscritas no fórum. “Isso demonstra o interesse da população e sociedade organizada em participar da construção de políticas públicas. Esperamos ouvir opiniões de diversos segmentos, que devem ajudar a subsidiar o PPA [Plano Plurianual] do governo do Estado”.

O secretário informou ainda que após término do fórum, o governo deve assinar um encaminhamento à Assembleia Legislativa sobre a Lei de Inovação do Tocantins. “Essa lei já existe em alguns estados do Brasil e deve estimular o entrosamento entre empresa, universidade e governo”, afirma Borges.

Foi reforçada, durante coletiva, a realização da Amazontech- feira de inovação do SEBRAE desenvolvida nos estados da Amazônia Legal, SEBRAE Nacional, governo federal, Embrapa, universidades e parceiros institucionais. Segundo o superintendente do SEBRAE/TO, Paulo Massuia, o evento que acontece de 18 a 22 de outubro de 2011, no Espaço Cultural, é uma oportunidade de empresários agregarem valor às empresas através de produtos inovadores. “Além disso, os pesquisadores terão contato direto com financiadores e empresários”, diz Massuia.

Fonte: Assessoria de Imprensa/Fieto