Geral

A diretoria do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde no Estado do Tocantins (Sintras) encaminhou ao prefeito de Couto Magalhães, Júlio Cesar Ramos Brasil, um ofício solicitando uma emenda no Projeto de Lei nº 092011, de autoria do mesmo, que está previsto para ser votado entre os dias 15 e 18 de setembro.

O projeto de lei altera os anexos I, III e IV da Lei nº 18 de 14/05/2005 e propõe conceder um aumento de 7% para apenas um pequeno grupo de servidores municipais, deixando de fora várias categorias, a exemplo dos Servidores da Saúde e da Educação.

Segundo o presidente do Sintras, o enfermeiro Manoel Pereira de Miranda, o projeto é inadmissível e também inconstitucional, uma vez que os servidores da saúde também fazem parte do poder executivo.

No ofício é solicitado ainda que os salários sejam reajustados de forma igualitária para todos os servidores do município. (Ascom Sintras)