Estado

O Detran Tocantins realizou na manhã desta terça-feira, 14, no Auditório do Quartel do Comando Geral (QCG) a primeira reunião para discutir sobre as ações a serem realizadas na Semana Nacional de Trânsito de 2012. O evento vai acontecer entre os dias 18 e 25 de setembro e traz como tema: “Não Exceda a Velocidade, Preserve a Vida”, focado principalmente nos jovens que são o grupo de maior vulnerabilidade no trânsito em nosso país.

O diretor geral do Detran-TO, coronel Júlio César da Silva Mamede deu início à reunião destacando a importância de discutir com os parceiros os assuntos relacionados ao trânsito. “Convidamos os parceiros e mostramos a importância de estarmos todos juntos para realizar ações em prol da diminuição do número de acidentes em nosso trânsito”, destacou o diretor.

Durante a reunião foram apresentados vídeos educativos sobre os riscos de dirigir fora das legalidades de trânsito, os índices de mortalidade devido à imprudência e um alerta sobre a mistura de álcool e direção. Segundo o palestrante, o Chefe de Divisão de Campanhas Educativas, da Diretoria de Educação para o Trânsito e Qualificação de Pessoal, Jesuíno Júnior, a apresentação desses vídeos, tem um intuito bem relevante. “Quando mostramos essas cenas impactantes tentamos sensibilizar os participantes, para que eles desenvolvam ações que possam contribuir para um trânsito mais seguro e humano”, frisou Júnior.

Ainda na ocasião, foram apresentadas pela Diretora de Educação para o Trânsito e Qualificação de Pessoal, Áurea Liz Rodrigues de Morais, todas as ações que vão ser desenvolvidas durante a semana de trânsito, como: veiculação de campanha na mídia, participação em blitz educativas, palestras, ações nas faixas de pedestres, mobilização da comunidade e a realização de um concurso cultural sobre o trânsito entre os alunos do ensino médio.

Entre os parceiros está o Hemocentro de Palmas, que segundo a gerente do setor de Captação de Doador, Denis Gomes, a instituição vai realizar blitz educativa com entrega de panfletos. “Vamos fazer uma dupla conscientização, visto que é no trânsito que acontece mais acidentes, e isso reflete em nossos estoques de sangue”. (Ascom Detran)