Polí­tica

Foto: Divulgação

O potencial turístico do Estado do Tocantins é indiscutível diante de tanta beleza natural. Aproveitando este cenário, o candidato a prefeito de Palmas, Carlos Amastha (PP), se comprometeu a fomentar as atividades turísticas que estão estritamente ligadas ao desenvolvimento econômico da cidade, através do lazer com respeito ao meio ambiente.

A proposta de Amastha e do seu vice Sargento Aragão (PPS) é estimular o turismo local e desenvolver o setor como uma atividade econômica sustentável, com papel relevante na geração de emprego e renda, com inclusão social. “Vamos ampliar também os mecanismos que potencializem o turismo de negócios em Palmas, entre outros, identificando espaços para realização de shows, convenções, feiras, exposições, e ofertando qualificação e formação profissional nas áreas de alimentação e hotelaria”.

O candidato destaca ainda que serão estabelecidas metas e diretrizes para o desenvolvimento do turismo, levando em consideração as identidades culturais regionais (artesanato, gastronomia, danças) como forma de gerar trabalho e renda. “Primeiramente temos que valorizar a cultura do povo palmense que tem várias tradições como, por exemplo, as quadrilhas juninas que precisam de mais atenção. Precisamos contribuir com a melhoria de qualidade de vida e inclusão social dos palmenses e a cultura pode proporcionar este avanço”, afirmou o pepista.

Dentro do Programa de Governo, Carlos Amastha, juntamente com seu vice, deputado Sargento Aragão (PPS), definiram metas e ações voltadas ao turismo que precisam ser realizadas para que a ideia de fomentação ao turismo ganhe força dentro de Palmas. Um dos projetos é a imediata revitalização dos atrativos turísticos, como Taquaruçu, praias, parque Cesamar e a abertura da avenida orla, construção do calçadão na orla da cidade.

Além de valorizar a cultura, o pepista também quer preparar a cidade para atender ao turismo nacional e internacional, visando os eventos esportivos da Copa do Mundo de 2014 e Olimpíadas 2012. “Temos que preparar os palmenses através de treinamento e capacitação, em parceria com a iniciativa privada de profissionais da rede hoteleira, de transportes, setores de comércio e serviço, inclusive público com foco no aprendizado dos idiomas espanhol e inglês”.

Aragão completa que será ampliado os investimentos no turismo para incluir Palmas nos circuitos nacionais de eventos náuticos, de balonismo, kartismo, motociclismo, ciclismo, esportes radicais e de aventura entre outros. “Dentro deste projeto não podemos esquecer o incentivo à expansão da rede hoteleira para receber esses turistas”. (Assessoria de Imprensa)

Por: Redação

Tags: Carlos Amastha, Eleições 2012, turismo