Polí­tica

Foto: Divulgação

O candidato a governador da coligação “Reage Tocantins”, senador Ataídes Oliveira (PROS), participou da tarde desta terça-feira, 9, de uma rodada de entrevista promovida pela Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Tocantins (OAB-TO), realiza no auditório da entidade, em Palmas. Na ocasião, o candidato destacou suas propostas para geração de empregos e renda no Estado.

Segundo Ataídes, para gerar empregos é preciso respeitar o empresariado do Tocantins e atrair novos investidores. “Precisamos fazer o nosso dever de casa, investindo em infraestrutura e na qualificação da nossa mão de obra”, afirmou o candidato. Segundo ele, no Estado mais de 50 mil jovens que não trabalham e nem estudam precisam de oportunidade. A eles serão oferecidos cursos profissionalizantes.

“Além de oferecer infraestrutura e mão de obra qualificada, precisamos implementar uma política fiscal atraente, por meio da redução da carga tributária”, acrescentou Ataídes Oliveira. Segundo o candidato, quando se reduz a carga tributária aumenta-se a arrecadação, uma vez que a desoneração propicia o crescimento das empresas, a contração de mais pessoas aumenta e consequentemente arrecadação de impostos.

O candidato destacou como áreas prioritárias para a geração de empregos o agronegócio, a pecuária, a produção de energia, o turismo ecológico e religioso. Para dar suporte ao crescimento do turismo e atração de investidores, Ataídes também afirmou que serão construídos centros de convenções em localidades estratégicas do Estado.

Perguntas

Ataídes Oliveira também foi indagado sobre suas propostas para as áreas da saúde, educação e segurança. Na ocasião, ele destacou obras físicas, como a construção de oito novos hospitais regionais e de escolas de ensino integral. Porém, o candidato afirmou que é preciso investir no humano, na capacitação e remuneração dos servidores e por isso foi registrado em cartório, um aumento de 15% para os profissionais dessas áreas, que será cumprido pelo seu governo, a partir de junho de 2015.

Ao ser questionado sobre a proposta da OAB, de restringir as doações de campanhas ao financiamento público, o candidato da coligação “Reage Tocantins”, se colocou favorável a proposta.  Ataídes também afirmou que, se eleito, assumirá a responsabilidade das dívidas do Estado. Ao falar sobre corrupção, o candidato afirmou que em seu governo contará com uma Central Única de Compras e Contratações, para inibir práticas de corrupção.

O candidato foi acompanhado da candidata a vice-governadora da coligação “Reage Tocantins”, Cinthia Ribeiro, na rodada de entrevista promovida pela OAB.

Por: Redação

Tags: Ataídes Oliveira, Eleição 2014, OAB, PROS