Campo

Foto: Divulgação

Iniciada nesta terça-feira, 5, a Feira de Tecnologia Agropecuária do Tocantins (Agrotins Brasil 2015) conta com uma diversidade de exposições de raças de animais de grande e pequeno porte. Uma das atrações é a mostra de espécies de ovinos e caprinos para a comercialização. No pavilhão de ovinos e caprinos, estão expostos 300 animais de diversas raças de ovinos, como Santa Inês, Dorper e White Dorper e caprinos como Angus e Boer, consideradas as raças que são mais comercializadas por possuírem peso e carne de qualidade. As espécies são oriundas dos Estados da Bahia, Sergipe e Tocantins.

Durante os cincos dias da Feira, os animais deverão passar por uma avaliação de raças para determinar a qualidade genética de cada espécie. Segundo o zootecnista da Secretaria de Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária (Seagro), Marcos Cione Fernandes, essa avaliação é de grande importância para que os produtores possam conhecer o perfil do animal. “Essa avaliação fenotípica mostra os avanços da evolução das raças dos animais; carcaça, carne, peso, pelo e o tempo que leva para o animal ficar no ponto de abate. Estes indicadores agregam valor ao animal para a comercialização”, enfatizou.

Fernandes explicou ainda que, na avaliação, é considerada também, no caso dos caprinos, a quantidade de leite que a cabra produz. “É importante produzir o leite, pois é um dos melhores para a produção de queijo e derivados, por ser mais nutritivo”, complementou.

Expositor

O produtor de ovinos do Estado de Sergipe, Roberto Leal, é um dos expositores dos animais. Expondo ovinos de corte e reprodutores das raças Santa Inês e Dorper, ele participa do evento há seis anos e explicou que a cada edição, a Agrotins surpreende na geração de negócios. “Cada ano é uma nova surpresa e, como sempre,  acredito que irei realizar bons negócios”, almejou.

Agrotins

A Agrotins Brasil 2015 é uma realização do Governo do Estado, por meio da Seagro e suas vinculadas Agência da Defesa Agropecuária (Adapec), Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins), Instituto de Terras do Tocantins (Itertins), instituições financeiras e parceiros. Com o tema “Cadeia Produtiva de Grãos”, a programação se estende até o próximo sábado, 9, no Centro Agrotecnológico de Palmas.