Economia

Foto: Elias Oliveira Durante os primeiros quatro dias de evento, foram vendidos mais de R$ 1 milhão no Cartão Livro Durante os primeiros quatro dias de evento, foram vendidos mais de R$ 1 milhão no Cartão Livro

No sexto dia de realização do Salão do Livro 2015, os expositores já comemoram a comercialização de mais de R$ 1 milhão em vendas no Cartão Livro, além das vendas a dinheiro ou nos cartões de crédito e débito. Neste ano são mais de 80 estandes de obras dos mais variados gêneros, um total de 150 toneladas de livros. A expectativa da Secretaria de Estado da Educação (Seduc) é que sejam movimentados cerca de R$ 8 milhões.

Com dois estandes no Salão do Livro, o tocantinense de Novo Acordo, Jucélio Rodrigues Alves, proprietário da distribuidora Criativa Materiais Pedagógicos, frisa que o volume de vendas tem superado as expectativas. “Estamos bastante satisfeitos com a movimentação e vendendo muito acima do que era esperado. Em cinco dias vendemos mais de R$ 90 mil, o que considero um super resultado. E não são apenas as vendas para professores. É claro que o incentivo do governo é muito válido, mas muitos dos clientes que compram são pais, estudantes, e pessoas que vêm negociar de diversas formas além do cartão livro”, destacou.

Ainda de acordo com Jucélio, o sucesso das vendas é atribuído às novidades trazidas de outras feiras e na contratação de pessoal especializado. “Do jeito que está já estamos pensando em contratar mais vendedores para o sábado e o domingo, para atender aos clientes de forma satisfatória. Em todas as edições do Salão do Livro nós sempre trazemos atrativos e uma didática que fazem o cliente ter vontade de comprar. Minha distribuidora cresceu junto com o Salão do Livro e estou, mais uma vez muito feliz em ver o evento acontecer e fazer parte disso”, relatou.

A livraria Universo Gospel, de Belém do Pará, está expondo no Salão do Livro pelo primeiro ano. Conforme a vendedora Esla Alves, as metas de vendas estão sendo atingidas. “Na atual situação econômica do país podemos dizer que o movimento está ótimo e nosso estande está o tempo todo cheio. Às vezes temos que atender vários clientes ao mesmo tempo. Acreditamos que no final de semana vai ser ainda melhor”, completou.

Cartão Livro

O Cartão Livro é um incentivo do Governo do Estado para que professores e servidores adquiram obras que vão auxiliar na atualização profissional. Neste ano foram destinados mais de R$ 2,6 milhões para benefício de 18,6 mil trabalhadores da Educação. Cada professor foi contemplado com um exemplar no valor de R$ 180. Já os servidores com cargo administrativo, tanto das escolas, quanto das Diretorias Regionais de Educação (DREs) e da sede da Seduc, receberam o cartão com R$ 80 para a compra das obras, exclusivamente, no Salão do Livro 2015.

Estacionamento extra

Com o fluxo crescente de pessoas nesta edição, a organização do evento precisou abrir um estacionamento extra para atender a demanda dos visitantes. A princípio, as vagas disponíveis no Centro de Convenções eram 1.300 e foram ampliadas para 4.100, para o público em geral, 120 para livreiros e mais 145 para servidores que estão atuando no evento.