Polí­tica

Foto: Divulgação

O deputado estadual Mauro Carlesse (PHS) foi eleito presidente da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa em sessão realizada na manhã desta sexta-feira (08) para o primeiro biênio 2017-2018, com 17 votos a favor contra 7 recebidos pelo deputado Osires Damaso (PSC). O primeiro vice-presidente será a deputada Luana Ribeiro (PDT).

A mesa diretora da Casa Legislativa também é composta por Toinho Andrade (PSD), segundo vice-presidente; Jorge Frederico (PSC), primeiro secretário; Nilton Franco (PMDB), segundo secretário; Cleiton Cardoso (PSL), terceiro secretário; e Zé Robeto (PT), quarto secretário.

Em seu primeiro discurso, Carlesse falou sobre a função do legislativo para a construção de uma sociedade justa e democrática. “Reafirmo aqui, o meu propósito de trabalhar por um legislativo forte, independente e voltado para o aperfeiçoamento das instituições e pelo respeito à constituição de nosso Estado e do nosso País. Entendo que o papel do poder legislativo é fundamental na construção das bases sólidas de uma sociedade justa e democrática por isso, estaremos sempre à disposição de todos para mantermos de forma inabalável este propósito”.

Carlesse finalizou seu discurso dizendo que “a harmonia dos poderes constituídos neste estado continuará sendo importante para o processo de consolidação do Tocantins, porém, sempre manteremos o respeito à devida independência estabelecida em nossa carta magna”.

Mauro Carlesse nasceu no município de Terra Boa, Paraná. No Tocantins, ocupou-se como empresário e agropecuarista. Iniciou a carreira política ao se filiar ao Partido Verde (PV) em 2011, quando então já exercia a presidência do Sindicato Rural de Gurupi. Foi candidato a prefeito daquela cidade nas eleições de 2012. Em 2013, filiou-se ao Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) e candidatou-se a deputado estadual em 2014, conquistando uma vaga para a 8ª Legislatura. Em 2016 assumiu presidência da Executiva Estadual do PHS (Partido Humanista da Solidariedade).