Geral

As regiões Norte e Nordeste têm as rodovias com o pior estado de conservação do país, segundo a Pesquisa Rodoviária 2007 da Confederação Nacional dos Transportes (CNT), divulgada na terça-feira (6), em Brasília. Os estados de Roraima e Maranhão receberam as piores avaliações.

A avaliação mostra que 46,8% das rodovias do Norte e 47,6% do Nordeste são consideradas ruins ou péssimas. A média nacional é de 33,1%. A malha viária avaliada como ótima, nessas regiões, é inferior a 3%.

Roraima é apontado como o estado com as rodovias mais inadequadas. Nenhum trecho no estado foi classificado como bom ou ótimo. Ao passo que 68,9% das pistas foram consideradas ruins ou péssimas. Entre os estados nordestinos, o destaque negativo é o Maranhão com 60,2% das vias com baixa avaliação.

O pior trecho viário do Brasil, de acordo com a CNT, é o que liga os municípios maranhenses de Açailândia e Miranda. Na região Norte, a pior avaliação está entre Araguaína, em Tocantins, e a divisa com o Piauí. As duas vias são consideradas ruins e possuem graves defeitos no asfalto e na sinalização.

Da redação com informações Agência Brasil

Por: Redação

Tags: Estado, Geral, Municípios