Polí­tica

Foto: Divulgação

O 5º Congresso Nacional do PDT, que terminou no último sábado, 03, em Porto Alegre, pontuou o futuro do partido em 12 eixos temáticos, entre os quais Educação, Saúde e Seguridade Social, Agricultura, Organização Partidária, Reforma Política e Estatutária, estão entre as prioridades. A vice-prefeita de Palmas, Edna Agnolin e o deputado federal Ângelo Agnolin, participaram do evento ao lado do ministro do Trabalho e Emprego e presidente licenciado da sigla, Carlos Lupi.

Na proposta do congresso, entre discussões e deliberações, prestou-se homenagem aos 50 anos da Legalidade, movimento liderado pelo ex-governador do Rio Grande do Sul, Leonel Brizola, para garantir a posse do vice-presidente João Goulart depois da renúncia de Jânio Quadros, em 1961. Durante três dias, o evento foi dividido em comissões para discutir propostas e apresentar ferramentas que o partido dispõe para formar e informar a militância: como a Universidade Leonel Brizola, com cursos de capacitação política e a Rádio Legalidade.

A tática eleitoral e a política de alianças para as eleições municipais de 2012, também entraram na pauta do encontro. Para Edna Agnolin, que está entre as pré-candidatas à disputa em capitais brasileiras, é importante o apoio da Diretoria Nacional para garantir musculatura à campanha. “A nossa presença no evento representa a coleta de idéias, propostas e projetos que se adéquem a nossa realidade” disse.

Para o ministro Carlos Lupi, o momento é de organização da sigla. "O ideal é que comecemos agora a preparar as nossas bases, discutir prioridades para que os nossos candidatos e a nossa militância as divulguem” disse. Para reforçar a bandeira da educação, principal proposta do partido, Lupi falou da luta de Brizola no Rio Grande do Sul e sua determinação na redemocratização do Brasil após passar 15 anos no exílio, fundando o PDT, e criando a figura histórica do programa de construção dos CIEPs (Centros Integrados de Educação Pública), projeto que, inclusive, inspirou o modelo de educação integral no Brasil.

Prestigiaram o encontro, os líderes do PDT no Senado e na Câmara, deputados Acir Gurgacz (RO) e Giovani Queiroz (PA), os presidentes nacionais do PT, Rui Falcão, e do PCdoB, Renato Rabelo, bem como deputados federais e senadores da sigla. A comitiva do Tocantins foi composta pelos vice-presidentes do partido, Eduardo Machado e Iltelvino Pizone, do prefeito de Santa Rosa, Domingos Ferreira e da pré-candidata à prefeitura de Xambioá, Dágma Pires. (Ascom Angelo Agnolin)