Cultura

Foto: Divulgação

Financiado e construído integralmente pelo Grupo Skipton, o túmulo de Guilhermina Ribeiro da Silva, a Dona Miúda, foi concluído. De acordo com o diretor presidente do grupo, empreendedor Carlos Franco Amastha, a obra foi construída para homenagear Dona Miúda e o seu trabalho.

"Com esta singela obra, rendemos homenagem a quem com o seu trabalho ratifica a dignidade e garra da mulher tocantinense”, destacou Amastha, acrescentando que “a beleza do seu artesanato chamou a nossa atenção para o Capim Dourado, um símbolo grandioso da natureza tocantinense, e nos levou a adotar esse nome em um investimento do porte do shopping”.

Para a construção do túmulo, Amastha solicitou a autorização e encaminhou todo o projeto para aprovação dos filhos de Dona Miúda, que foram representados por Noemi Ribeiro da Silva, conhecida como “Dotôra”. “Nosso intuito sempre foi preservar a imagem de Dona Miúda, uma mulher determinada e que é exemplo para todos nós”, concluiu Amastha. (Assesoria de Imprensa)