Polí­tica

Foto: Divulgação

O juiz da comarca de Itacajá, João Olinto, proferiu Ação Cautelar de Efeito Suspensivo contra a cassação do direito de diplomação do prefeito eleito de Centenário, Wesley da Silva Lima e de seu vice-prefeito, Adair Santa Cruz de Oliveira. A diplomação dos prefeitos eleitos em 2012 está prevista para ser realizada no próximo dia 19.

Com a decisão judicial, a cassação da candidatura do prefeito eleito de Centenário fica suspensa até o julgamento do recurso impetrado pelo acusado. Assim, Lima e Oliveira poderão ser diplomados e, caso inocentados, tomar posse no dia primeiro de janeiro.

De acordo com a decisão do juiz da comarca de Itacajá, a medida é pela proximidade da data para diplomação. Caso a cassação das candidaturas não fosse suspensa, prefeito e vice ficariam impedidos de serem diplomados, podendo gerar problemas posteriores ao julgamento do recurso.

Entenda

No final da última semana, o prefeito eleito de Centenário teve sua candidatura cassada pela Justiça Eleitoral, acusado de compra de votos no processo eleitoral. Com isso, o candidato derrotado nas urnas, Pedro Sales seria diplomado no próximo dia 19, caso a Justiça não suspendesse a condenação até o julgamento do recurso impetrado por Wesley da Silva Lima.

Arquivos Anexos