Polí­tica

Foto: Divulgação Conforme informou o secretário Tiago Andrino, já há uma conversa agendada para o final desta semana Conforme informou o secretário Tiago Andrino, já há uma conversa agendada para o final desta semana

Após selar aliança com o PT estadual e abrir espaço para o partido na gestão municipal a próxima legenda a ser procurado por dirigentes do PP e pelo prefeito de Palmas, Carlos Amastha é o PR, comandado pelo senador João Ribeiro. Conforme informou o secretário de Governo e Relações Institucionais, Tiago Andrino ao Conexão Tocantins nesta quarta-feira, 12, já há uma conversa agendada para o final desta semana quando os líderes vão visitar o senador em São Paulo.

“Em primeira mão vamos conversar com o senador João Ribeiro para abrir o diálogo”, frisou. Andrino exaltou o perfil do senador e falou da aproximação dele com os entes do governo federal. “O João é o senador mais querido do núcleo da presidente Dilma e que goza de maior prestígio no governo federal”, afirmou. A presença do presidente regional do PP, Lázaro Botelho não está confirmada na visita de cortesia, segundo informou a assessoria do partido. Segundo o partido, Botelho mantém contatos semanalmente com Ribeiro.

Após as conversas com o PR o PMDB deverá ser o próximo partido a ser procurado para conversar sobre o processo de 2014.

Ribeiro tem sido defendido por nomes do partido como possível candidato ao governo e permanece licenciado do Senado em razão de tratamento de Saúde.O senador comanda também o PTN, presidido pela esposa Cintia Ribeiro e o PRTB que tem o filho João Ribeiro Júnior à frente.

Dividido

O PR está dividido com relação à gestão do atual prefeito mas segundo o secretário o vereador José Hermes Damaso tem uma relação com o governo. Por outro lado o vereador Lúcio Campelo (PR) é um dos opositores mais ferrenhos da atual gestão. Além de Lúcio alguns deputados estaduais do partido também são distantes da atual gestão.

 Stalin Bucar, que chegou a criticar a gestão por várias vezes, disse nesta terça-feira, 11, que a administração está dando resultados e frisou também que vê com bons olhos a atual gestão.

Luana vê dificuldade

Questionada pelo Conexão Tocantins sobre a possibilidade de abrir diálogo com o PP e com a atual gestão de Palmas a deputada Luana Ribeiro ressaltou que não quer ser radical mas admitiu dificuldades para isso. “ Tenho muita dificuldade para isso”, afirmou. “Não digo que nada é impossível mas há muita dificuldade”, completou. Luana sempre que pode demonstra sua postura crítica na Assembleia Legislativa com relação à atual administração da capital.