Polí­tica

Foto: Divulgação

O deputado estadual José Geraldo de Melo Oliveira, presidente regional do PTB, anunciou na noite desta quarta-feira, 27, a retirada de sua candidatura a deputado federal.

José Geraldo tem suas principais bases eleitorais em Paraiso do Tocantins, Vale do Araguaia e região do Bico do Papagaio, onde vinha ampliando suas bases como apoio de prefeitos como Clayton Paulo do município de Nazaré.

Segundo o deputado, não foi fácil tomar a decisão, “mas diante do quadro colocado e da forma com que as campanhas estão sendo desenhadas nas ruas, me senti na obrigação de me posicionar, o que não foi uma tarefa muito confortável”, disse o petebista.

Ainda segundo José Geraldo a decisão foi tomada apenas após considerar todas as possibilidades dignas para continuar sua luta “por melhores dias para nossa gente, e após considerar a complexa conjuntura que nos pede sacrifícios desumanos e irracionais, para atingir o objetivo de um mandato no Congresso Nacional. A situação nos faz refletir, nos perguntar se vale a pena nos diminuir ou até esquecer tudo que aprendemos no berço da família, na escola e na vida sobre ética, valores e seriedade”.

Confira abaixo a íntegra do comunicado do deputado.

Comunicado: ESCRITÓRIO POLÍTICO DO CANDIDATO A DEPUTADO FEDERAL JOSÉ GERALDO

É com muito pesar no coração, que venho a público declarar que a partir de hoje estou retirando meu nome da disputa eleitoral na eleição 2014.

Não foi fácil tomar essa decisão, mas diante do quadro colocado e da forma com que as campanhas estão sendo desenhadas nas ruas, me senti na obrigação de me posicionar, o que não foi uma tarefa muito confortável. Escolhi esse caminho, somente após considerar todas as possibilidades dignas de continuar minha luta por melhores dias para nossa gente, e após considerar a complexa conjuntura que nos pede sacrifícios desumanos e irracionais, para atingir o objetivo de um mandato no Congresso Nacional. A situação nos faz refletir, nos perguntar se vale a pena nos diminuir ou até esquecer tudo que aprendemos no berço da família, na escola e na vida sobre ética, valores e seriedade.

Conversei muito com parentes, amigos, apoiadores e principalmente com Deus em minhas orações, chegando à conclusão de que seria essa a decisão mais sensata, para não macular o nosso principal patrimônio que é o nosso nome, nossos princípios, nossa família e também para não colocar os valorosos líderes que nos acompanham no processo político, em situação difícil.

Esse é um dos momentos mais tristes de nossa vida, nosso peito sofre por que não é de nossa natureza recuar de nenhuma luta boa; e lutar pelo Tocantins e por nossa gente é um dos melhores propósitos que Deus colocou em meu coração.

No entanto a hora pede coragem e atitude, pede humildade e bom senso, e não posso nesse momento manchar minha história de lisura e honradez, e nem permitir que fardos pesados, muito acima de nossas limitadas forças, sejam sacrifícios desnecessários nas costas de centenas de lideranças, familiares e amigos sérios e honrados que votam e apóiam o nosso nome.

Resolvi tomar essa atitude extrema e é em nome da seriedade que sempre defendi na política, que me despeço do processo, desejando sucesso aos que ficam, e principalmente pedindo desculpas aos homens e mulheres, jovens e adultos que acreditam em nosso ideal e que sempre nos deram o voto de confiança. Que Deus abençoe a cada um em seus projetos, em suas vidas e contem sempre com o amigo José Geraldo.

Abração a todos e o nosso mais sincero agradecimento.

Palmas, 27 de agosto de 2014

José Geraldo