Polí­tica

Foto: Divulgação

Durante o evento de lançamento do grupo da Terceira Via realizado na Assembleia Legislativa do Tocantins, visando a disputa das eleições do próximo ano no Tocantins, o prefeito de Palmas, Carlos Amastha fez um discurso aos representantes de partidos. “O mais importante que a gente precisa dizer é que um grupo de pessoas de bem desse Estado querem se juntar em prol de um projeto de desenvolvimento e gestão que coloque novamente o Estado no patamar de desenvolvimento”, frisou.

O prefeito disse que o Estado já está cansado da familiocracia, do trabalho escravo, da politicagem e das mesmas pessoas de sempre no governo. Ele frisou que a formação do grupo da terceira via é um sonho. O gestor relembrou ainda sua campanha ano passado quando teve poucos apoios políticos mas conseguiu vencer o pleito.

“A nossa aliança tem que ser com o povo e não com esses políticos porque se entrarmos no jogo deles a gente já perdeu”, disse. Conforme ele o bloco é para discutir um projeto em prol do cidadão tocantinense e não contra o governador Siqueira Campos ou outros políticos.

Amastha exaltou os nomes colocados pelo grupo e destacou o nome, perfil e experiência do ex-ministro Luiz Carlos Borges da Silveira bem como o nome do pré-candidato do PSL, Marco Antônio Costa e ainda o do pré-candidato do PP, Roberto Magno Martins Pires e o nome do PT para a disputa, Nicolau Esteves.

“Não tem a mínima possibilidade de não sermos vencedores”, disse o prefeito. Amastha se colocou à disposição dos partidos para ter um elo que una os aliados neste projeto.