Estado

Foto: Delfino Miranda Alberto Mendes da Rocha, recebeu na manhã desta quarta-feira, a visita de um grupo chinês Alberto Mendes da Rocha, recebeu na manhã desta quarta-feira, a visita de um grupo chinês

O presidente da Agência de Defesa Agropecuária (Adapec), Alberto Mendes da Rocha, recebeu na manhã desta quarta-feira, 18, em Palmas, a visita de um grupo chinês com interesse em exportar carnes de equídeos (asininos, muares e equinos) para a China, Vietnã e Hong Kong. Foram discutidas questões sanitárias, avaliação de plantas frigoríficas aptas a realizar o abate e a desossa do animal, entre outros. Se efetivado, o Tocantins poderá exportar carnes de equídeos para aqueles países, a carne bovina já segue esse caminho para o Vietnã e Hong Kong.

No Estado, os três frigoríficos que exportam carne bovina para aqueles países estão localizados nos municípios de Gurupi, Araguaína e Paraíso. “Para o abate de equídeos é seguido à mesma linha de inspeção para o abate de bovinos, portanto, temos toda a estrutura para atender aos investidores. Estamos à disposição para auxiliar em todo o processo para que as negociações se concretizem, pois quem ganha é o produtor rural e a economia do Estado”, avaliou o presidente da Adapec.

O representante do grupo chinês, Paulo Lima Filho, disse que tem procurado mercados alternativos para exportação e considerou que o Tocantins está pronto para atender todas as exigências das normas chinesas. Além disso, com a adesão do Estado ao Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (Sisbi-POA), possibilita a expansão comercial. “Estamos satisfeitos com o que vimos aqui, trocamos informações e estamos conhecendo a estrutura do todo o sistema, que inclui a inspeção, estabelecimentos, legislações e o que for necessário”, afirmou.

Por: Redação

Tags: Adapec, Alberto Mendes da Rocha