Educação

Foto: Juliana Carneiro Cerca de 1.800 alunos e servidores da rede estadual são beneficiados pelo Centro de Línguas Cerca de 1.800 alunos e servidores da rede estadual são beneficiados pelo Centro de Línguas

Tiveram início nesta segunda-feira, 6, as atividades do Centro de Línguas da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc). Com aulas gratuitas de espanhol, inglês e redação, o projeto do Governo do Estado contempla cerca de 1.800 cursistas, entre alunos e servidores das escolas estaduais em oito polos: Palmas, Araguaína, Gurupi, Porto Nacional, Miracema, Colinas do Tocantins, Dianópolis e Araguatins. São ofertadas turmas em quatro níveis: introdutório, básico, intermediário e intensivo. 

“A proposta do Centro de Línguas é oferecer aos profissionais da rede estadual e estudantes a oportunidade de aprender outras línguas gratuitamente. As metodologias e materiais utilizados buscam proporcionar um ensino eficaz para que os cursistas alcancem a competência linguística na língua estudada. No curso de redação, a proposta é complementar a preparação dos alunos que irão fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem)”, ressaltou o gerente de Projetos Educacionais da Seduc, Júlio César da Rocha.

A professora de língua inglesa, Adriana Boettch, explicou que os métodos são aplicados de acordo com a faixa etária e nível de conhecimento prévio da língua estudada. “Na turma infantil, por exemplo, utilizamos músicas, jogos e outras ferramentas lúdicas para facilitar o aprendizado. Já nas turmas do intensivo, utilizamos uma proposta mais voltada para a conversação”, frisou.

Já no primeiro dia de aula, o estudante Rafael Francisco, de 8 anos, se mostrou empolgado com a possibilidade de aprender inglês já no início de sua vida escolar. “Quando meu pai falou do curso, eu não fiquei muito afim, mas agora achei muito legal. Quero aprender a falar inglês porque quero conhecer a Disney”, relatou o aluno da turma infantil. 

Para o pai de Rafael, César Martins Barbosa, a iniciativa da Seduc veio ao encontro do desejo de incentivar o filho a estudar uma segunda língua desde cedo. “Acho de extrema importância que ele saiba se comunicar em inglês. Soubemos do curso e aproveitamos essa oportunidade por acreditar que nessa idade ele terá mais facilidade para aprender”, disse.

Araguaína

Em Araguaína, o Centro de Línguas oferta também o curso da Língua Brasileira de Sinais (Libras) e possui turmas de inglês e espanhol instrumental para mestrado e doutorado. A professora Dalete Oliveira revela que o atendimento do Centro vem sendo ampliado para atender a comunidade local. “Temos recebido muita procura e temos trabalhado para atender a demanda. Nas turmas já em andamento, temos percebido ótimos resultados. É muito gratificante ver o crescimento gradativo dos alunos”, contou.

Vagas Remanescentes

Em alguns polos ainda há vagas disponíveis para as turmas de inglês infantil e espanhol. Os interessados podem procurar o Centro de Línguas da sua regional. Para efetuar a matrícula, é necessário apresentar a seguinte documentação: RG, CPF, comprovante de endereço e duas fotos 3X4.