Polí­tica

Foto: Divulgação Vereador Lúcio Campelo manda recado à Cinthia Ribeiro Vereador Lúcio Campelo manda recado à Cinthia Ribeiro

As recentes derrotas da prefeita de Palmas Cinthia Ribeiro (PSDB) na Câmara de Vereadores demonstram uma relação conturbada da chefe do Executivo com o Legislativo Municipal. A mais recente foi a aprovação pela maioria dos vereadores de um Decreto Legislativo que susta os efeitos de um Decreto da prefeita que regulamentava a instalação de empresas no distrito industrial de Taquaralto.

Apenas os vereadores Tiago Andrino (PSB), Etinho Nordeste (PTB), Vanda Monteiro (PSL) e Laudecy Coimbra (SD) votaram contra o decreto legislativo, demonstrando que a base aliada da prefeita na Câmara diminuiu. Dos 19 parlamentares, apenas 5 mantém o apoio ao governo de Cinthia.

Mais tarde, após a sessão realizada nesta última quinta-feira, 16, que derrubou seu Decreto, a prefeita Cinthia Ribeiro usou o Twitter para criticar a decisão dos vereadores. “Para tristeza geral da nação palmense, leio em um blog a equivocada notícia de que derrubaram um decreto que o próprio poder executivo já revogou há 10 dias. Hellouuuu?! Vamos nos atualizar né? É só ler o Diário Oficial do Município para não passar vergonha”, ironizou a prefeita.

Durante a sessão os vereadores criticaram muito a relação política de Cinthia que, segundo eles, tem se afastado da Câmara, evitando o diálogo e deixando de atender solicitações como envio de respostas de requerimentos e outras pautas.

A crítica foi suscitada pelo vereador Lúcio Campelo (PR) que disse durante a sessão que não havia interlocução entre a Prefeitura e a Câmara. Nesta sexta-feira, 17, Campelo reforçou em entrevista ao Conexão Tocantins que a relação está abalada e disse que espera que Cinthia Ribeiro não faça como seu antecessor, Carlos Amastha (PSB) que, ao invés do diálogo, preferia o embate. “O que eu percebo é que nunca houve uma interlocução respeitosa na gestão do Amastha com o Legislativo. A Cinthia tem um outro comportamento, espero que essa interlocução seja criada dentro de um conceito de respeitabilidade. E parece que já está mudando, ela marcou uma conversa para segunda ou terça-feira com os vereadores”, declarou o vereador.

Campelo foi além e disse que a prefeita não está dando a merecida atenção aos vereadores. “Eu não quero falar com secretário ou assessor, eu preciso falar com a prefeita”. E completou, “a prefeita precisa mostrar pra cidade a forma como ela recebeu a Prefeitura. A câmara deu 100 dias de prazo para que ela pudesse se organizar e mostrar como recebeu a cidade da gestão Amastha. Agora o prazo acabou e ela precisa mostrar isso. Não pode mais ficar escondendo”, mencionou o vereador referindo-se a supostas dívidas deixadas pelo ex-prefeito nas contas da Prefeitura.

Por: Adenauer Cunha

Tags: Cínthia Ribeiro, Lúcio Campelo