Conexão Tocantins - O Brasil que se encontra aqui é visto pelo mundo
Polí­tica

Foto: Divulgação

Durante sessão ordinária desta quarta-feira, 17, na Câmara de Palmas, o vereador Milton Neris (PP) expôs sua insatisfação com a posição da Prefeitura em relação aos quiosques da Capital. O caso já vem sendo abordado pelos parlamentares a algum tempo. 

O vereador diz que a ação da Prefeitura está destruindo o meio de sobrevivência dos comerciantes, porém ela não faz nada em relação ao estabelecimento construído de forma irregular na praia da Graciosa, sem licitação e fora do padrão exigido.  

“É intolerante a prefeitura derrubar patrimônio público sem uma justificativa convincente. Assistimos retirarem o quiosque de uma senhora que hoje está vendendo sua mercadoria em baixo de uma árvore. Um absurdo”, contou o vereador. 

Outro caso que o vereador aborda é do Distrito Industrial, no qual os empresários estão abandonados, sem segurança, infraestrutura e energia de qualidade. “A prefeitura deveria acolher e incentivar o desenvolvimento desses comerciantes, em vez de tirar o sustento de outros”, afirma. 

Neris também cita como exemplo de má gestão municipal a condição que a Praça Airton Sena está hoje, “abandonada, sem irrigação, iluminação apropriada, e política pública”, reclama. “O secretário de Desenvolvimento Econômico é o pior secretário da história de Palmas, com projetos mal executados. A população está cansada de pagar a conta, e precisam de uma solução”, finaliza.