Conexão Tocantins - O Brasil que se encontra aqui é visto pelo mundo
Campo

Foto: Delfino Miranda

Com a estimativa de vacinar 4 milhões de bovídeos (bovinos e bubalinos) com até 24 meses de idade, o Tocantins realizará a segunda etapa de vacinação contra a febre aftosa entre os dias 1º e 30 de novembro. A declaração do ato é obrigatória, até mesmo para os produtores rurais que não tenham animais nessa faixa etária. A medida visa à atualização cadastral para efetivo controle sanitário. O Tocantins conta com aproximadamente 8,6 milhões de animais.

Em maio, o Estado bateu recorde de vacinação contra a doença atingindo o índice vacinal de 99,91% envolvendo 8,5 milhões de bovídeos, presentes em 55,5 mil propriedades rurais. Os municípios com maior número de animais são Araguaçu com 350,4 mil; Araguaína com 244,3 mil; Formoso do Araguaia com 240,2 mil; Peixe com 198,6 mil e Arraias com 194 mil. “Este ano, de janeiro a setembro, o Tocantins já exportou mais de 28 mil toneladas de carnes, produtos e subprodutos para 35 países, isto prova que estamos evoluindo cada vez mais, por isso precisamos cumprir todas as exigências vacinando nosso rebanho”, avalia o presidente da Adapec, Alberto Mendes da Rocha. 

Para manter a eficácia da vacinação é preciso atenção especial na compra, armazenamento, bem estar animal e aplicação. “O produtor rural deverá adquirir a vacina em lojas registradas; verificar se estão na temperatura correta entre 2° C e 8° C e transportá-las em caixa térmica, colocando três partes de gelo para uma de vacina e lacre”, explica o responsável pelo Programa Estadual de Erradicação da Febre Aftosa, João Eduardo Pires. É indicadovacinar em horário mais fresco do dia e ter cuidado com a higiene e limpeza.

Garantia do rebanho imunizado

A Adapec acompanha todo o processo da vacina, que vai desde a sua distribuição até a aplicação. Nas lojas agropecuárias, é preciso ter a presença do técnico da Agência no recebimento do produto, ele também faz o controle da temperatura na câmara fria diariamente durante a campanha. “A Cada dois anos, realizamos a vacinação acompanhada por amostragem em média em três mil propriedades rurais, além disso, coletamos sangue dos animais por amostragem, que comprova o grau de imunidade desse rebanho após a vacina ser aplicada, para termos garantia de eficiência na cobertura vacinal”, disse João Eduardo.

Abertura oficial

O lançamento oficial da campanha será realizado com a presença de políticos, servidores e da comunidade em geral, no dia 6 de novembro, às 8h30, na Fazenda São Sebastião-Taquarussu Grande, localizada no município de Palmas.