Conexão Tocantins - O Brasil que se encontra aqui é visto pelo mundo
Polí­tica

Lajeado terá nova eleição para prefeito até o fim do ano

Lajeado terá nova eleição para prefeito até o fim do ano Foto: Divulgação

Foto: Divulgação Lajeado terá nova eleição para prefeito até o fim do ano Lajeado terá nova eleição para prefeito até o fim do ano

O município de Lajeado poderá ter nova eleição para prefeito em dezembro deste ano. O novo pleito é necessário devido à cassação de Tércio Dias Melquiades Neto (PSD,) e Gilberto Borges (PSC) dos cargos de prefeito e vice-prefeito, respectivamente. A cassação foi confirmada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) no último dia 21.

A confirmação da data da nova eleição ainda vai depender da publicação do acórdão do julgamento da Ação de Investigação Judicial Eleitoral, que ainda não foi publicado no Diário da Justiça. Após a divulgação, o TRE deverá comunicar o juiz eleitoral da 5ª Zona Eleitoral da decisão para que seja realizado novo pleito eleitoral. A expectativa é de que a eleição ocorra até o dia 1º de dezembro deste ano.

Até lá, quem comanda o Executivo de Lajeado é o presidente da Câmara de Vereadores, José Edival Gomes (MDB), que assumiu a prefeitura na última quarta-feira, 23.

Pré-candidatos

Apesar de data ainda não confirmada, a eleição suplementar já movimenta o cenário político do município. Entre os possíveis candidatos, até o momento os nomes mais cogitados são do atual prefeito interino, o vereador José Edival Gomes, e Antônio Luiz Bandeira Júnior, o Júnior Bandeira. Também coloca o nome à disposição para a disputa na eleição suplementar o subtenente Ferreirinha. 

Bandeira é autor da ação que resultou na cassação de Melquíades, e também foi o segundo colocado na votação para prefeito de Lajeado em 2016.