Conexão Tocantins - O Brasil que se encontra aqui é visto pelo mundo
Geral

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Não há dúvidas quanto ao medo que o coronavírus provoca na hora de ter que viajar de ônibus para o trabalho. É tanta a preocupação pela possibilidade de contágio, que a porcentagem de passageiros no transporte público ainda não chegou ao número normal de pré pandemia.

A insegurança e o medo ao contágio da Covid-19 ainda é uma realidade. O uso de transporte público (metrô, trem, ônibus) diminuiu com a pandemia, enquanto que uso de carro particular e até de bicicletas e motos, aumentou. Inclusive, a venda de carros usados cresceu nestes últimos meses.

Efetivamente, o médio ao contágio da Covid-19 no transporte público disparou o uso e, portanto, o número de carros usados para venda. Desse modo, a “bolha social” que é a segurança dentro do lar, se estende para o carro particular e as pessoas sentem que estão mais protegidas.

Manter a distancia, respeitando as medidas de segurança para evitar que o coronavírus atinja a mais pessoas, é realmente impossível no transporte público. Já a espera no ponto de ônibus ou na plataforma do metrô pode se transformar num incrível foco de contagio da Covid-19 e, é lógico, isso desperta o medo na população.

Muitas pessoas fazem home – office, ou seja, trabalham em casa e não precisam se preocupar com a locomoção para ir para o trabalho. Outras moram perto do local de trabalho e podem ir andando. Os que trabalham um pouco mais longe de casa utilizam a bicicleta ou até a patinete. Mas, o que fazem os que moram longe do trabalho?

Solução para quem mora longe do trabalho

Permanecer em casa quando há a necessidade de trabalhar para o sustento do lar é uma realidade impossível de manter. Então a possibilidade da compra de um carro se faz presente no desejo das pessoas.

A opção mais viável é a compra de um carro usado e são diversos os motivos pelos quais um veículo usado é melhor do que um carro 0 km. Por exemplo:

a.       A porcentagem de desvalorização de um carro usado cresce muito mais devagar do que de um carro novo. Assim, o investimento feito na compra do usado não se verá prejudicado.

b.      Os valores de taxas e do seguro de um carro usado são bem menores do que de um caro 0 km.

c.       Um carro usado costuma ter todos os acessórios que um novo dono possa almejar como, por exemplo: ar condicionado, vidros elétricos, sistema de câmbios automático, painel digital, equipamentos que nem sempre estão instalados em carros compactos e populares 0 km.

Um carro usado é, em definitiva, a solução para aquelas pessoas que têm a possibilidade de dispor de um dinheiro especificamente para a compra de um veículo, podendo desse jeito ficar longe do transporte público e, em conseqüência, reduzindo o risco de contagio da Covid-19.

Lugar de tranquilidade e bem-estar diante do perigo do contágio do coronavírus

Este momento que o mundo está vivendo é, com certeza, um momento de muitas incertezas, entre elas, as econômicas. Em muitos lares o dinheiro não está sobrando e comprar um carro leva a ter que investir com a poupança... Mas quando essa despesa se relaciona diretamente com o cuidado da saúde da família, o sacrifício bem vale a pena!

Poder levar os filhos para a escola sem ter que pegar o ônibus representa a tranquilidade tanto da mãe quanto do pai, porque ninguém da família deverá correr o risco de contágio dentro de um ônibus.

Além disso, uma família com um carro poderá usufruir de viagens de fim de semana para a serra ou para a praia; mais ainda se for num feriadão! Carregar a bagagem de cada integrante da família e iniciar um trajeto ouvindo música, conversando, rindo, sempre na segurança do carro, representa uma tranquilidade e uma paz total.

Toda situação negativa tem o seu lado positivo e é por ai que as pessoas fazem o esforço da compra de um carro usado: em primeiro lugar, para fugir do transporte público na situação atual, e depois para poder curtir momentos de alegria e satisfação junto aos seres queridos.