Polí­cia

O trabalho contínuo de investigação criminal e combate à criminalidade que vem sendo realizado pela Polícia Civil, por intermédio da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos (DRR), de Araguaína resultou na identificação, bem como no modo de atuação de mais um assaltante em série na cidade. O trabalho culminou no indiciamento do indivíduo em quatro Inquéritos Policiais pela prática, em tese, dos crimes de roubos majorados.

Conforme o delegado Breno Eduardo Campos Alves, durante o trabalho de investigação especializado, os agentes policiais conseguiram identificar o homem de 20 anos de idade, o qual estava atuando nas proximidades da região dos bairros Eldorado, Jardim Paulista e adjacências, realizando roubos a transeuntes no período matutino.

Após cruzamento de dados e, também por meio de diligências investigativas, as condutas do investigado foram devidamente apuradas, o que resultou na sua responsabilização pelos crimes.

Conforme assevera o Delegado Breno Alves, “a DRR está se especializando em combater crimes de roubos que são praticados em série, por um mesmo autor, ou seja, indivíduos que, em tese, autores de diversos crimes de roubo, fato que vem contribuindo para a redução substancial de crimes contra o patrimônio na cidade de Araguaína”.

O delegado ainda informou que o atual modelo de gestão já reduziu em 47% os crimes de roubos na cidade, sendo que em 2018 ocorreram 2.111 roubos na cidade e em 2019 os números chegaram a 1.117.  “A Polícia Civil do Tocantins conseguiu reduzir pela metade os crimes de roubos na cidade de Araguaína, utilizando para isso a metodologia de identificar os assaltantes em série”, ressaltou a autoridade policial.

Ainda segundo o delegado Breno Alves, o suspeito de 20 anos já responde a processos por crime de furto qualificado e por roubo, sendo agora indiciado por quatro crimes de roubo. Ele seguirá preso na Casa de Prisão Provisória de Araguaína (CPPA), onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.