Campo

Foto: Victor Guimarães Escolas municipais e estaduais recebem palestras sobre o controle da raiva Escolas municipais e estaduais recebem palestras sobre o controle da raiva

Com objetivo de disseminar informações e levar conhecimento a comunidade, a Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) lançou nessa terça-feira, 7, o projeto Dia D Contra Raiva no município de Ponte Alta do Tocantins, a 189 km de Palmas. Cerca de 360 alunos do 1º ao 9º ano participaram de palestras com abordagens nas formas de transmissão da doença, ciclo epidemiológico, vacinação do rebanho e raiva humana. Na quarta-feira, 8, a programação segue em mais três escolas, incluindo blitz educativa.  

O palestrante e responsável pelo Programa Estadual de Controle da Raiva dos Herbívoros, José Emerson Cavalcante, fez uma abordagem das ações estratégicas do Programa, tratou de forma dinâmica os riscos e prejuízos econômicos causados pela doença, as formas de prevenção e orientações sobre o principal transmissor. “A raiva está presente no mundo, não é possível erradicá-la, já que não podemos extinguir os morcegos, mas é possível preveni-la com a vacinação do rebanho, informações e conscientização de toda a cadeia produtiva”, ressaltou.

Para o diretor do Centro Educacional Municipal Sabino Ferreira Medeiro, José Filho Aires, a apresentação do Projeto foi de grande relevância para os alunos, pois a grande maioria convive na zona rural, onde muitos pais não têm acesso à informação. “Acredito que as crianças repassarão o aprendizado que foi transmitido de forma transparente e esclarecedora, pois quando se tem informação há o conhecimento”, destacou.

A aluna do 6º ano, Soraia Alves Rodrigues, relatou que ficou impressionada ao saber que o morcego ataca também o homem. “Meu pai é vaqueiro, como vive na fazenda o cuidado deve ser redobrado com os morcegos sugadores de sangue e com animais com sintomas da raiva”. O outro aluno, Morramed Coelho Reis complementou. “Não sabia que o morcego podia chupar a gente, depois que eu aprendi vou contar pra minha vó e pedir que ela vacine o gado”, disse.

Na Escola Municipal Morro Limpo, localizada na zona rural, o palestrante e inspetor agropecuário da Adapec, Jefferson Pessoa explicou como é feito o controle da doença, a sintomatologia dos animais, a assistência da Adapec na notificação de casos, entre outros. “Essas crianças têm contato diário com a criação de animais e com essas informações poderão entender realmente o que acontece no seu dia a dia”, avaliou o professor, Hércules Pereira.

Programação

Nesta quarta-feira, 8, o Projeto chegará a Escola Estadual Joana Medeiros, Escola Estadual de Tempo Integral Alcides Rufo Ilson e Escola Especial Amilson Frazão dos Reis.

As palestras estão sendo ministradas também pelos técnicos: Marina Rodrigues de Moura, José Veloso Júnior.