Saúde

Foto: Marcos Filho Sandes Grupo das crianças é o que até o momento registrou o menor percentual em relação à meta municipal Grupo das crianças é o que até o momento registrou o menor percentual em relação à meta municipal

Em Araguaína, quem faz parte do público alvo e ainda não fez a imunização contra a gripe, deve procurar a Unidade Básica de Saúde (UBS) à qual está vinculado até essa sexta-feira, 22, para tomar a vacina. Desde o início da campanha, em 23 de maio, até a última quinta-feira, foram vacinadas 29.093 pessoas contra a gripe em Araguaína, o que representa 87,9% da meta, que é de vacinar mais de 35 mil pessoas.

O público alvo são crianças de seis meses a menores de cinco anos, gestantes, puérperas (mulheres até 45 dias após o parto ou aborto), pessoas com 60 anos ou mais, trabalhadores da saúde, indígenas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e professores de escolas públicas e privadas.

Dentre os grupos aos quais está destinada a vacina, o das crianças é o que até agora registrou o menor percentual de doses aplicadas, com apenas 67,7% da meta atingida. Os grupos das gestantes, puérperas e idosos também ainda não haviam atingido a meta na última quinta-feira.

Já os grupos dos trabalhadores da Saúde e dos professores ultrapassaram a meta, contando respectivamente com 115,9% e 143,7% de doses aplicadas, somando, em números absolutos, 7.788 doses da vacina aplicadas.

Influenza

A influenza é uma infecção viral aguda que afeta o sistema respiratório. A doença é transmissível e ocorre por secreções das vias respiratórias da pessoa que está contaminada ao falar, tossir, espirrar ou pelas mãos. Após contato com superfícies recém‐contaminadas por secreções respiratórias, pode levar o agente infeccioso direto à boca, olhos e nariz.