Conexão Tocantins - O Brasil que se encontra aqui é visto pelo mundo
Estado

Foto: Dennis Tavares

O ministro de estado da Segurança Pública, Raul Jungmann, esteve em Palmas, na tarde desta quarta-feira (17), onde realizou uma visita às instalações do 22º Batalhão de Infantaria do Exército Brasileiro. Na oportunidade, o ministro foi recebido, ainda no aeroporto Lysias Rodrigues, pelo vice-governador do Estado, Wanderley Barbosa, pelo secretário de Estado da Segurança Pública, Fernando Ubaldo Monteiro Barbosa, pelo comandante-geral da Polícia Militar, Coronel Jaison Veras, bem como demais integrantes da Diretoria da Segurança Pública do Tocantins.

Já na Capital, o ministro Jungmann teve a oportunidade de prestigiar os treinamentos realizados pela Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Exército Brasileiro por ocasião do acordo de cooperação firmado entre o Ministério da Segurança Pública e da Defesa, o qual deu origem ao Sistema Único de Segurança (SUSP), que tem por objetivo oferecer treinamento e cooperação nas áreas de inteligência e logística entre o Exército brasileiro e as demais forças de segurança do Tocantins.

Vale ressaltar que esta é a primeira vez que o Brasil possui um sistema que trata a Segurança Pública de forma unificada, possibilitando maior integração entre os estados e com uma maior e mais efetiva participação da União, o que permitirá melhor distribuição de recurso públicos, propiciando mais qualidade técnica e profissional às forças de segurança estaduais.

Logo após ser recepcionado pelas autoridades estaduais, o ministro e sua comitiva, composta por assessores civis e militares, foi até as dependências da unidade do Exército na Capital tocantinense, onde assistiu, no stand de tiros e campo de treinamento da instituição, a uma série de exercícios demonstrativos com armas de munição não letal e explosivos para controle de distúrbios realizados por policiais militares e bombeiros, orientados por militares do Exército Brasileiro.

De volta à sede do Quartel do Exército, o ministro visitou as instalações do prédio, concedeu entrevistas aos meios de comunicação locais e por fim, assistiu a uma apresentação da tropa de choque do 22º Batalhão de Infantaria, em uma simulação de controle de distúrbios.

Embora a série de treinamentos esteja ocorrendo em todos os estados do Brasil, desde o mês de abril de 2018, data da assinatura do acordo de cooperação, esta é a primeira vez que Raul Jungmann visita um dos locais de treinamento, sendo Palmas, a primeira cidade escolhida pelo ministro para que pudesse acompanhar de perto as capacitações.

Raul Jungmann falou sobre sua visita ao Estado do Tocantins e ressaltou o fortalecimento das ações de combate e enfrentamento à criminalidade e o apoio que o Ministério da Segurança Pública tem dado às forças de segurança do Estado: “É um prazer estar de volta ao Tocantins e sua bela capital, Palmas. Nós estamos aqui para participar de uma capacitação conjunta das forças de segurança, que está sendo provida pelo Exército Brasileiro às forças de segurança do Estado, com o objetivo de melhorar a qualidade de intervenção de combate ao crime organizado, com a utilização de equipamentos de atuação conjunta, para que os órgãos de segurança possam reduzir a violência que é a vontade e o desejo de todos aqueles que vivem no estado”, frisou.

Raul Jungmann também mencionou que recebeu as demandas da Segurança Pública do estado e prometeu atuar em favor da pautas levantadas. “Já marcamos uma reunião, em Brasília, com o secretario da Segurança Pública, Fernando Ubaldo, para que possamos analisar esses pleitos e procurar equipar, ajudar, fortalecer e capacitar às forças de segurança do Tocantins, pois esse é o papel do Sistema único de Segurança e do nosso Ministério”, ressaltou.

Para o secretário de Estado da Segurança Pública, delegado Fernando Ubaldo, a visita do ministro a Palmas foi muito proveitosa, uma vez que o ministro pode avaliar in loco, as ações da forças de segurança que vem sendo realizadas no Estado: “este contato fortalece o plano de integração das forças de segurança que esta ocorrendo no Estado, visando à montagem de uma estrutura compartilhada entre as forças de segurança, unificando as partes de logística, operações estudos e inteligência. O ministro veio conhecer de perto nossa realidade e, se mostrou muito sensível e se comprometeu a nos ajudar com as reivindicações que fizemos a ele no tocante ao fortalecimento das ações desenvolvidas pelas Polícias Civil e Militar em todo o Estado”, concluiu o secretário.

Sobre a importância da visita de Jungmann, o delegado-geral da Polícia Civil, Vinícius Mendes de Oliveira, destacou a consolidação dos planos de segurança para o estado. “Essencial para ratificar a integração entre as forças de segurança e a busca de recursos para o reaparelhamento das nossas instituições”, concluiu.