Conexão Tocantins - O Brasil que se encontra aqui é visto pelo mundo
Esporte

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Finalista da última Liga dos Campeões da Europa, o Tottenham está longe de parecer aquele time que foi superado pelo Liverpool em junho. Por isso, por mais incrível que pareça, o time comandado por José Mourinho recebe o Middlesbrough, pela 3ª rodada da Copa da Inglaterra, precisando vencer o time da 2ª divisão para tentar salvar uma temporada que não aparenta reservar muitas alegrias ao torcedor.

Assim, a FA Cup parece ser o último fio de esperança que o Tottenham tem para não dizer que 2019/20 é um ano para ser esquecido. E os Spurs só precisarão entrar em campo nesta terça-feira (14) porque não souberam aproveitar as oportunidades que criaram no primeiro jogo, fora de casa, que terminou empatado em 1 a 1.

Como foi o primeiro jogo?

Middlesbrough e Tottenham se enfrentaram há pouco mais de uma semana pela 3ª rodada da Copa da Inglaterra, no Riverside Stadium, e os Boros podem comemorar que voltarão a enfrentar os Spurs agora. Isso porque o gigante inglês foi dominante durante todo o jogo, apesar de já não ter podido contar mais com Harry Kane. Somente no primeiro tempo, uma série de chances criadas e desperdiçadas por conta de um dia em que os jogadores não estavam com a pontaria em dia.

Susto apenas uma vez, quando Gazzaniga precisou aparecer para fazer uma sequência de três defesas e impedir que o Middlesbrough abrisse o marcador. No entanto, no início da segunda etapa, o goleiro argentino nada pôde fazer quando George Saville lançou e deixou Ashley Fletcher na cara do gol (o arqueiro chegou a tocar na bola, mas ainda assim ela foi parar no fundo do gol).

Para a sorte do Tottenham, não demorou muito para o baixinho Lucas Moura subir de cabeça para empatar, após cruzamento preciso de Sèrge Aurier. Depois disso, novamente, uma chuva de chances perdidas até que Stuart Atwell colocasse um ponto final na partida. Com a igualdade, não restou às equipes outra saída a não ser jogar o replay desta terça para ver quem avança na Copa da Inglaterra.

Tottenham com problemas

Muito inconstante, o Tottenham passa por um momento bem conturbado na temporada. Primeiro, porque não vence há quatro jogos (empatou com Norwich City e Middlesbrough e perdeu para Southampton e Liverpool). Depois, porque o time não consegue engrenar de jeito nenhum na Premier League. Só para ter noção, a última vez que os Spurs ganharam dois jogos seguidos foi em novembro, época em que engatou uma série de seis partidas sem perder.

Como se isso já não fosse o suficiente para deixar José Mourinho com dor de cabeça, na partida contra o Southampton, Harry Kane sentiu a coxa esquerda e foi substituído. Dias depois, veio a confirmação de que o capitão sofreu uma ruptura no tendão, de que precisaria passar por cirurgia e de que isso o fará ficar afastado por três meses, retornando somente no final da temporada.

Para piorar, o Tottenham não tem nenhum centroavante para substituir o inglês e agora se vira para jogar sem uma referência enquanto tenta achar uma peça no mercado antes que a janela de transferência se feche.

O que anima um pouco o torcedor é que não dá para dizer que o Tottenham vem jogando mal. Principalmente no empate com o Middlesbrough e na derrota para o Liverpool, os Spurs criaram muitas chances e só não conseguiram resultados melhores porque falharam demais na hora de finalizar as jogadas. Fosse uma pontaria melhor e era bem capaz que o time londrino sequer jogaria durante a semana e já estaria classificado.

Por que é o jogo do ano?

Na 8ª colocação do Campeonato Inglês, o Tottenham soma apenas 30 pontos após 22 partidas. Sendo assim, ainda precisa tirar uma diferença de nove pontos para o Chelsea, na 4ª posição, se quiser garantir uma vaga na próxima Liga dos Campeões (pelo menos nos playoffs antes da fase de grupos).

Se não vier pelo Inglês, só resta ao Tottenham vencer a competição para conseguir classificação automática para defender o título. No entanto, sem Harry Kane é muito improvável que os Spurs consigam bater de frente contra times que estão bem melhores na temporada. Aliás, nas oitavas de final da Champions os ingleses têm pela frente o RB Leipzig, time que lidera o Alemão.

Como o Tottenham já caiu fora da Copa da Liga Inglesa, a melhor chance que o clube tem para dar alguma alegria ao torcedor é através da Copa da Inglaterra, que ainda tem muito chão pela frente até a decisão -- o título garante uma vaga na próxima edição da Liga Europa.

Quais os perigos que o Middlesbrough oferece?

Apenas na 16ª posição da Championship, a segunda divisão da Inglaterra, o Middlesbrough, em tese, não deveria ser uma ameaça ao Tottenham. De fato, o elenco é bem inferior e a disparidade técnica entre os adversários ficou nítida na primeira partida entre eles na FA Cup. No entanto, os Boros vêm em uma sequência muito boa na temporada, e, por isso, merecem total atenção.

São quatro vitórias e dois empates nas últimas seis partidas. Isso inclui um triunfo importantíssimo contra o West Bromwich, líder da segunda divisão, fora de casa. Aliás, se aumentar o período do retrospecto do Middlesbrough dá para ver que a mudança não é de agora, já que o clube só perdeu duas vezes nos 11 últimos compromissos na temporada.

Aposte com o Betsul

O Tottenham é muito favorito no duelo contra o Middlesbrough. Uma vitória dos comandados de José Mourinho, que jogam em casa, está avaliada em 1.24 no Betsul, o melhor site de apostas esportivas da América do Sul. Por outro lado, uma zebra dos Boros em Londres pode render ao apostador 9.67 vezes o valor investido na aposta. Um empate no tempo normal paga 5.18.

Para apostar é muito fácil. Cadastre-se no Betsul, aproveite o bônus de até R$ 120,00 do primeiro depósito e dê os seus palpites em muitos eventos esportivos no Brasil e no mundo. (Fonte: Betsul)