Empregos e Serviços

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O Correios retomou a chamada dos aprovados no Programa Jovem Aprendiz, tendo em vista que o processo seletivo aberto em 2020 estava suspenso por causa da pandemia. As convocações estão ocorrendo em várias cidades de todo o País, de forma gradativa, até que o número de aprovados seja suficiente para o provimento das vagas publicadas em edital.

Nesta fase, o candidato precisa conferir se o seu nome está na lista de convocação disponível no site do Correios (no campo “Editais e Arquivos do Concurso” > “Convocação Comprovação de Requisitos”), em seguida deverá apresentar, por meio do sistema de inscrição, a documentação comprobatória exigida no edital.

Para comprovação dos requisitos, o aprendiz deverá clicar em “Acompanhe sua Inscrição”, depois em “Página de Acompanhamento”. Em seguida, inserir seu CPF e senha cadastrados, clicar em “Verificar Andamento das Inscrições”, utilizando a opção “Anexar Documentos” para fazer o upload. Os arquivos digitalizados deverão ser enviados no formato PDF, JPEG ou JPG e são limitados a 500 kb por documento. O candidato deverá evitar colocar nomes muito extensos nos arquivos, pois podem ser rejeitados pelo sistema.

Após esta etapa, os aprovados no processo seletivo serão encaminhados para realização do exame médico pré-admissional.

Conforme consta no edital de abertura, é responsabilidade do candidato o acompanhamento das publicações e atos referentes à seleção.

O programa Jovem Aprendiz do Correios é uma ação corporativa alinhada às diretrizes da CLT, destinada à contratação especial de aprendizes classificados por critérios socioeconômicos. Foram abertas 4.462 vagas, sendo 815 para negros e pardos e mais 660 para pessoas com deficiência.

A carga horária de trabalho será de 20 horas semanais, com salário entre R$ 516,66 a R$ 716,09 mensais, além de vale-transporte, vale-refeição ou alimentação e uniforme.