Esportes

Foto: Marcio Vieira

Foto: Marcio Vieira

Será dada a largada para o protagonismo do futebol escolar feminino brasileiro, em Palmas, com a realização do Campeonato Brasileiro Escolar de Futebol Feminino 2023. O evento começa na segunda-feira, 24, às 19h30, com a cerimônia de abertura, no Colégio Militar do Estado do Tocantins Senador Antônio Luiz Maya, e prossegue até sábado, 28, com a cerimônia de encerramento no Estádio Nilton Santos, às 16h15. 

O campeonato é uma realização da Confederação Brasileira de Desporto Escolar (CBDE), em parceria com a Secretaria de Estado da Educação (Seduc), e da Federação Tocantinense do Desporto Escolar (FTDE).

Serão mais de 700 pessoas, cerca de 500 alunas/atletas, técnicos e chefes de delegação dos 26 estados e do Distrito Federal na disputa que definirá a equipe campeã, que representará o Brasil no Campeonato Mundial Escolar, a ser realizado em julho, no Marrocos.

O Colégio Estadual São José, de Palmas, e o Colégio Estadual Guilherme Dourado de Araguaína, vão representar o Tocantins na competição. Os dois times conquistaram a vaga ao obterem as maiores pontuações na fase estadual, realizada no estádio Mirandão, em Araguaína, nos dias 11 e 12 de fevereiro.

De acordo com o secretário executivo da Seduc, Edinho Fernandes, a expectativa é grande já que se trata de um campeonato brasileiro. “O Tocantins receberá pela primeira vez alunas atletas de todos os estados, e para nós é motivo de alegria e muita responsabilidade por estarmos organizando um evento tão importante, de nível nacional. Teremos dois times representando o Estado, esperamos que as nossas equipes façam bonito nos jogos”.

Para o presidente da Federação Tocantinense de Desporto Escolar (FTDE), Lécio Guimarães, a expectativa é positiva, tendo em vista o envolvimento direto das instituições em busca de um evento de excelência. “Trazer um evento desse porte para o Tocantins, reflete a política da CBDE de descentralização da realização de grandes eventos para estados fora do eixo Sul/Sudeste. O Futebol Feminino vive um grande momento e é uma das modalidades que mais cresce no país, e realizar um evento desse porte é um sentimento de que o trabalho está no caminho certo e que em breve teremos alunas atletas do Tocantins representando as cores de nosso país em eventos esportivos internacionais”.