Conexão Tocantins - O Brasil que se encontra aqui é visto pelo mundo
Esporte

Foto: Marcus Mesquita  Ilquias Lopes Ilquias Lopes

Destaque tocantinense no cenário paralímpico em 2016, o paratleta da equipe do projeto Reviver, Ilquias Lopes, foi pré-selecionado pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) para participar dos Jogos Parapan-Americanos de Jovens, a ser realizado na cidade de São Paulo/SP no próximo mês de março. Atualmente, na categoria Júnior [até 19 anos], Ilquias ocupa a primeira colocação do ranking nacional no lançamento de dardo e nos 100 metros rasos, além do segundo lugar no salto em distância.

Apesar de ter consciência do excelente no competitivo que teve na temporada passada, Ilquias se disse surpreso com a pré-convocação, garantindo que tem se dedicado ao máximo para fazer jus a ela. “Eu recebi esta notícia maravilhosa de repente, pela manhã, e fiquei muito feliz. Eu só tenho a agradecer a Deus pela oportunidade e ao projeto Reviver, que sempre me deu todo o apoio, desde o início, com toda a equipe que tem. Estou treinando focado para chegar a este objetivo [a convocação final] e alcançar as metas maiores, que são as medalhas lá em São Paulo”, afirmou o polivalente paratleta.

Coordenadora do Reviver, Soraia Tomaz vibrou com a notícia. “O paratleta Ilquias está na lista de pré-indicados para participar desta 4ª edição do Parapan-Americano de Jovens. Para viabilizar uma possível convocação, ele terá de se manter em treinamento junto ao professor Rodrigo Paganella, o que tem feito com o apoio do Projeto Reviver, que tem oportunizado aos paratletas tocantinenses a participação em competições nacionais. Por isto, já que em 2017 o Reviver não conta mais com qualquer tipo de apoio financeiro ou patrocínio, é importante que surjam parceiros que nos permitam seguir em atividade e até mesmo levar os nossos competidores às competições mais importantes para as quais vierem a ser classificados ou convocados. Por isto, deixo o pedido: seja, você, um parceiro e ajude o Reviver neste trabalho tão importante”, destacou Soraia Tomaz.

Parapan de Jovens

Iniciados em 2005, em Barquisimeto, na Venezuela, os Jogos Parapan-Americanos de Jovens chega à 4ª edição em 2017, contando com cerca de mil paratletas de 20 diferentes países na disputa por medalhas em 12 modalidades paralímpicas, o que faz dos Jogos no Brasil a maior das edições na história do evento. Na última edição, por exemplo, realizada em 2013, em Buenos Aires, na Argentina, a competição reuniu cerca de 600 competidores de 16 países, sendo que o Brasil foi o destaque ao liderar o quadro-geral de medalhas com 209 pódios, acumulando 102 ouros, 65 de prata e 42 de bronze.