Polí­tica

Foto: Divulgação José Roberto Forzani é presidente do PT Tocantins José Roberto Forzani é presidente do PT Tocantins

Nenhum candidato será apoiado pelo Partido dos Trabalhadores do Tocantins no segundo turno da eleição suplementar para o governo do Tocantins. Em reunião de avaliação das eleições, realizada nesta última segunda-feira, 4, em Palmas, a Comissão Executiva Estadual decidiu, por unanimidade, não apoiar as candidaturas postas para as eleições que acontecem no próximo dia 24 em todo Estado, pois, segundo o partido, nem o programa defendido pelo PHS do governador interino e candidato Mauro Carlesse, quanto o programa defendido pelo PR do senador Vicentinho Alves, vão ao encontro das defesas do PT.

Na reunião os membros da Executiva definiram que as duas candidaturas postas não representam os programas e projetos do PT e, conforme consta na resolução 002/2018 publicada pela sigla, os candidatos não defendem a luta dos trabalhadores e trabalhadoras.

Diante dos debates feitos sobre o processo eleitoral, a Comissão Executiva Estadual orienta, por meio da resolução, que seus dirigentes e filiados não apoiem candidatos nesta eleição suplementar.

“Ontem a executiva estadual do PT em uma reunião ampliada decidiu por ampla maioria não apoiar no segundo turno nenhuma das duas candidaturas por não representar o que defendemos. Solicitamos aos nossos companheiros que ninguém faça manifestação pública de apoio nesse segundo turno da eleição suplementar”, disse o presidente do PT/TO, deputado José Roberto Forzani.

Eleições de outubro

Ainda na reunião, os membros da Executiva do PT/TO definiram que os esforços da sigla seguem voltados para as eleições ordinárias, que acontecem em outubro e já possuem um calendário de definição de candidaturas. “Vamos focar a nossa energia na eleição em outubro para que possamos eleger os nossos candidatos a deputados estaduais, federais, senadores e ao governo. Esse é o nosso objetivo e é para isso que essa direção está trabalhando. Vamos à luta, vamos trabalhar e alcançar a vitória em outubro”, finalizou Zé Roberto.