Cultura

Foto: Laura Pedrini Personagem do ator Júnior Foppa no curta Apoio Cultural Personagem do ator Júnior Foppa no curta Apoio Cultural

O ator tocantinense Júnior Foppa foi o vencedor do Cisne de Ouro, troféu concedidos aos profissionais do audiovisual que concorrem no Festival de Cinema de Santo Ângelo – Curta Metragem, no Rio Grande do Sul. Foppa interpretou um roqueiro que busca apoio para um projeto controverso no curta metragem Apoio Cultural, da diretora Juliane Almeida.

O filme conta o desenrolar de um dia de audições, em que os artistas apresentam seus projetos aos gestores municipais. É a primeira vez que a cidade fictícia de Pouso Raso realiza um concurso cultural e os projetos serão avaliados pelos técnicos da SECTMEJUPECU, a Secretaria de Comércio, Turismo, Meio Ambiente, Juventude, Praças e Cultura.

 Cena do ator Júnior Foppa no curta Apoio Cultura (Foto: Laura Pedrini)

O enredo foi escolhido ainda no mês de junho dentre outros cem curtas submetidos. Concorreu com 23 selecionados pelo Clube Gaúcho de Santo Ângelo, que realiza anualmente o Festival. O resultado da vitória do ator Júnior Foppa foi divulgado na última quarta-feira, 6.

Produção local em circuito nacional

O curta Apoio Cultural, uma co-produção das empresas tocantinenses MZN Filmes e Jubalina Produções foi concluído em 2017, fruto do edital Procine Palmas/FCP/FSA, também foi selecionado para o Festival Ela faz Cinema, em Salvador. Ano passado, depois de seu lançamento em Palmas, o filme foi exibido na 3ª Mostra do Cinema Amazonense, em Manaus.

Por: Redação

Tags: Cisne de Ouro, Junior Foppa