Estado

Foto: Divulgação

A regional do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde no Estado do Tocantins (SINTRAS) no município de Gurupi ganhará futuras instalações numa área de 1.603,50 m² para melhor atender seus filiados. A área está localizada no loteamento Campos Belo, somada pelos lotes 1,2,3, 46,47 e 48, todos juntos na quadra 13, próximo ao Hospital Regional de Gurupi e é considerado como ponto estratégico para execução das ações do Sintras e agilizar no atendimento as necessidades dos filiados. 

A compra do terreno se deu após várias tentativas de requerimento de doação junto ao gestor da prefeitura local, segundo o sindicato. Segundo o Sintras, pela falta de vontade política a iniciativa não deu certo e a direção do sindicato deliberou pela compra do terreno na mesma modalidade de aquisição dos terrenos de Paraíso do Tocantins e Araguaína com pagamentos parcelados.

Para construção no terreno será projetada uma sede que vai abrigar salas administrativas, suítes para hospedagens e o clube social com piscinas, quiosques, parquinho, playground e campo de futebol, além de um salão para eventos diversos como palestras, seminários e ocasiões de festividades.

O presidente Manoel Pereira de Miranda destaca que a nova sede demonstra um Sintras forte, que "procura aplicar o dinheiro das contribuições dos filiados nas lutas e no espaço físico para um melhor atendimento aos profissionais que contribuem para o crescimento do sindicato, mesmo com o fim das contribuições sindicais”.

Ele diz ainda que a obra vai contribuir para gerar emprego aos trabalhadores de outras áreas como o da construção civil.

Conforme o presidente do sindicato, a regional de Gurupi está entre as maiores sedes em número de filiados, e devido a isso será estudado um projeto arquitetônico semelhante as sedes de Araguaina e Palmas. Estes formam os três grandes centros integrados de administração e lazer do Sintras.

Segundo a direção da entidade a nova sede iniciará, em tempo oportuno, com a construção da parte administrativa e hospedagens. Após será realizada uma Assembleia Geral, para deliberação da venda da atual sede com o objetivo de investimentos na construção da área social na nova sede definitiva.

Para o início desta obra, a diretoria do sindicato afirma que concluirá primeiramente a obra da sede de Araguaina que ainda está em construção.

Por: Redação

Tags: Manoel Pereira de Miranda, Sintras