Palmas

Foto: Secom/Palmas Atendimentos estão sendo realizados no Cras do Aureny III Atendimentos estão sendo realizados no Cras do Aureny III

Há três meses com o benefício do Bolsa Família bloqueado, a dona de casa Domingas Zélia Lopes Carvalho, 25 anos, conseguiu regularizar seu cadastro na manhã desta terça-feira, 09, no Centro de Referência em Assistência Social (Cras) do Aureny III, onde acontece o mutirão de atendimentos do Cadastro Único (CadÚnico) e Bolsa Família de famílias que estão na lista de averiguação e auditoria cadastral.

“Não sabia o que havia sido bloqueado, mas deu certo. Sei agora que preciso atualizar uma vez por ano. O benefício me ajuda muito. Vir aqui foi bom porque eu não sabia o que fazer e já deu tudo certo”, disse a dona de casa que é mãe de quatro filhos. O benefício ajuda a complementar a renda familiar do marido que recebe salário mínimo.

A expectativa é atender cerca de 80 famílias. Segundo o coordenador do Cras do Aureny III, Valmir Inácio Pires, o mutirão segue até às 15 horas. “É um mutirão importante para realizarmos tanto a atualização cadastral, que é obrigatória para todas as famílias beneficiadas pelo Bolsa Família. É a oportunidade de informar a inclusão de membros da família e outras informações, que se não repassadas ao Ministério do Desenvolvimento Social resultam no bloqueio do benefício, como atualização do cartão de vacina e faltas na escola das crianças”, afirmou.

Ainda durante o mutirão podem ser repassadas informações sobre beneficiários desenquadrados no perfil atendido pelo programa Bolsa Família. Nesse caso, é feito já o agendamento de visita de averiguação por assistente social para conferência se a família informada ainda pertence mais ao perfil atendido pelo programa.

Por: Juliana Matos/Secom Palmas

Tags: Bolsa Família, Valmir Inácio Pires