Estado

Foto: Josy Karla

Foto: Josy Karla

O Governo do Tocantins, por meio da Agência de Fomento do Estado do Tocantins (Fomento), prestigiou, nessa quinta-feira, 27, a programação da II Jornada da Mulher, com tema Engajamento, perspectivas e empreendedorismo feminino. O evento é organizado pelo Comitê Gestor do Programa Mulher, do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea/TO), e é voltado para profissionais, estudantes e comunidade em geral, com o objetivo de proporcionar debates relevantes para o público feminino.

No evento, a presidente da Fomento, Denise Rocha, destacou a representatividade da mulher no plano da atual gestão, com políticas públicas e a importância do empreendedorismo feminino. "O empreendedorismo feminino é um movimento pujante. Existe uma renovação no mercado de negócios, mas ainda existem vários obstáculos para as mulheres em suas carreiras. O empreendedorismo constrói uma sociedade mais justa. Assumir o próprio negócio é uma forma de empoderamento", afirmou.

Incentivos

Denise Rocha também reforçou o trabalho diferenciado realizado na Fomento para as mulheres, com taxas e prazos melhorados para incentivar o público feminino a empreender ou melhorar o seu negócio. "No contexto deste debate, é compromisso do Governador oportunizar ainda mais aos empreendedores, o desenvolvimento dos negócios de forma sustentável, atrativa e desburocratizada. Ainda especificamente para as mulheres, uma das ações é o Centro de Capacitação e Empoderamento da Mulher, que visa um espaço de instrução para o preparo do mercado de trabalho”, enfatizou.

Segundo a coordenadora do Comitê Gestor do Programa Mulher do Crea/TO, Cleonice Alves Moreira, que é engenheira agrônoma, a Jornada da Mulher pretende dar visibilidade para as mulheres e proporcionar a integração das profissionais da área da engenharia. "A presença do Governo do Tocantins neste evento mostra que a gestão está de mãos dadas com esse objetivo, com essa causa. Significa que a valorização da mulher e as oportunidades que precisamos para mostrar nossa capacidade estão sendo ofertadas”.

Na ocasião, o presidente do Crea-TO, Daniel Iglesias de Carvalho, destacou que a realização de um evento voltado para o público feminino é um espaço para pensar a importância das mulheres e a grande presença delas no Conselho. “Não existem locais limitados para as mulheres. Afinal, lugar de mulher é exatamente onde ela quiser", enfatizou.

Linha de crédito

Durante o evento, a presidente da Fomento, Denise Rocha, divulgou a linha de crédito aberta neste mês de outubro, voltada exclusivamente para o público feminino. “Estamos com uma linha de crédito voltada para as mulheres empreendedoras, em vigor neste mês de outubro, com prazo para pagamentos e carência mais atrativos e as menores taxas. A Agência de Fomento criou essa linha especial para as mulheres que atuam em qualquer segmento", relatou.