Polí­tica

Foto: Divulgação

A candidata a vice-presidência da República, Sônia Guajajara (PSOL), virá ao Tocantins no próximo dia 4 de setembro, e fará algumas reuniões durante todo o dia na capital Palmas. 

Ao lado da candidata ao governo do Tocantins, Bernadete Aparecida (PSOL), Sônia vai apresentar proposta de Governo para o País, encontro com todos os candidatos a deputados estaduais, federais e senador, além de cumprir agenda partidária.

Sônia Guajajara é a primeira indígena a concorrer a vice-presidência da República. Mulher, nordestina, Sônia Guajajara é o nome que compõe, junto com Guilherme Boulos, a chapa do PSOL para a Presidência da República nas eleições de 2018.

Perfil

Sônia é do povo Guajajara/Tentehar, que habita nas matas da Terra Indígena Arariboia, no Maranhão. Filha de pais analfabetos, deixou suas origens pela primeira vez aos 15 anos, quando recebeu ajuda da Funai para cursar o ensino médio em Minas Gerais. Depois, voltou para o Maranhão, onde se formou em Letras e Enfermagem e fez pós-graduação em Educação Especial.

Sua militância indígena e ambiental começou ainda na juventude, nos movimentos de base, e logo chegou ao Congresso Nacional – onde Guajajara foi linha de frente contra uma série de projetos que retiravam direitos e ameaçavam o meio ambiente. Em poucos anos, ela ganhou projeção internacional pela luta travada em nome dos direitos dos povos originários.