Polí­tica

Foto: Divulgação

O Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO) realiza nessa segunda-feira (10), às 17 horas, a cerimônia de instalação da Comissão da Auditoria de Funcionamento das Urnas Eletrônicas, referentes às Eleições 2018. 

A comissão foi instituída pela Resolução TRE-TO nº 425, de 30 de agosto de 2018, é presidida pelo juiz de direito, Roniclay Alves de Morais, tendo como integrantes os servidores representantes da Secretaria de Tecnologia da Informação, Fernando Jorge Ebrahim Lima e Silva, titular, e Valdenir Borges Júnior, suplente; representante da Secretaria Judiciária, Maria Zita Rodrigues Vilela Dias, titular, e Aimone Márcio De Moraes Bandeira, suplente; representante da Secretaria de Gestão de Pessoas, Kathiene Pimentel Da Silva, titular, e Jacira Brito Tavares, suplente; Secretaria de Administração e Orçamento, José Carlos Faria, titular e José Barroso de Oliveira Neto, suplente; representantes da Corregedoria Regional Eleitoral:, Ivana Aparecida Rosa Leão Rezende, titular, e, Talita Guedes Ribeiro, suplente; Coordenadoria de Controle Interno e Auditoria, Heloísa Gomes da Silva, titular e Maria de Lourdes Teixeira Arakaki, suplente.

O Ministério Público Federal será representado pelo procurador da República, Paulo Rubens Carvalho Marques.

Os partidos políticos, as coligações, a Ordem dos Advogados do Brasil, o Congresso Nacional, o Supremo Tribunal Federal, a Controladoria-Geral da União, o Departamento da Polícia Federal, a Sociedade Brasileira de Computação, o Conselho Federal de Engenharia e Agronomia e os departamentos de Tecnologia da Informação de universidades poderão indicar representantes para acompanhar os trabalhos da Comissão de Auditoria da Votação Eletrônica.

A auditoria

A auditoria acontece no dia da eleição e irá verificar o funcionamento das urnas eletrônicas, garantindo assim mais segurança ao pleito.