Polí­cia

Foto: Divulgação

A Polícia Federal marcou presença, mais um vez, na casa do secretário de Finanças da Prefeitura de Palmas, Cláudio Schüller. Na manhã desta sexta-feira, 21, a PF cumpriu novos mandados de busca e apreensão, dando continuidade ao inquérito que investiga armas irregulares em poder do secretário.

A primeira vistoria na casa do secretário aconteceu no dia 23 de setembro, após, segundo o advogado Leandro Manzano, uma denúncia anônima para a Polícia Federal de que Claudio Schüller estaria com algumas armas irregulares em sua casa. O advogado do secretário ainda havia informado que Schüller participa de clube de tiros e todas as suas armas são registradas. O secretário Cláudio Schüller, chegou a passar noite na Casa de Prisão Provisória de Palmas (CPPP). 

A Polícia Federal também esteve na manhã de hoje na casa do secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos e de Acessibilidade, Mobilidade, Trânsito e Transporte, Cristian Zini. A suspeita é que Zini também estaria ocultando armas irregulares. 

Segundo informações repassadas pela assessoria de imprensa da Polícia Federal ao Conexão Tocantins, foram cumpridos cinco mandados de busca e apreensão nas residências do secretário de Finanças de Palmas e secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos onde foram apreendidos documentos de interesse da investigação. O objetivo desta ação, confirmou a PF, é dar continuidade a investigação". (Matéria atualizada às 10h09min)