Polí­cia

Foto: Divulgação

A Polícia Militar prendeu em Gurupi/TO na tarde desta última quinta-feira, 19, um casal por roubo e porte ilegal de arma de fogo e outro homem por suspeita de golpe ao apresentar documentos falsos para comprar produtos em uma loja da cidade. 

A PM recebeu a informação de que por volta das 15h30, um casal chegou ao estabelecimento localizado na Avenida Amapá, portando uma arma de fogo de fabricação caseira, calibre 22, e anunciaram o assalto. Com uso de violência, roubaram um celular e o dinheiro do caixa da loja.

Segundo testemunhas, o homem e a mulher tinham fugido sentido Vila São José. Em patrulhamento, eles foram localizados e detidos com o produto do roubo.

Logo após reconhecimento pela vítima, os autores foram apresentados na Central de Flagrantes onde foram autuados pelo delegado de plantão. Duas bicicletas em que estavam, a arma, o celular e o dinheiro também foram apresentados.

Golpista é preso

Na mesma tarde, a Polícia Militar foi acionada para atender a uma ocorrência no centro de Gurupi. A denúncia consistia no fato de que um suposto cliente havia comprado uma TV de 40 polegadas e um aparelho de ar condicionado no crediário no dia 10 de julho se fazendo passar por outra pessoa.

Segundo as testemunhas, naquela data ele apresentou documentos falsos e teria retornado à loja para pegar as notas fiscais dos produtos. No entanto, já a par de outros supostos crimes de estelionato praticados pelo suspeito, os funcionários já estavam em alerta.

Quando a equipe da PM chegou, encontrou o homem aguardando a nota fiscal e logo foi dada a voz de prisão ao mesmo. Após consulta sistema da PMTO constatamos a divergência entre a identidade real do homem e os documentos apresentados.

O suspeito alegou já ter vendido os produtos adquiridos na loja. Posteriormente ele foi apresentado na Central de Flagrantes e autuado pelo crime de uso de documento falso.