Polí­tica

Foto: Divulgação Eduardo Gomes encabeçará chapa ao Senado Eduardo Gomes encabeçará chapa ao Senado

O ex-governador Siqueira Campos (DEM) informou na noite desta quarta-feira, 15, por meio de sua assessoria, que não vai mais ocupar a cabeça de chapa para o Senado, na majoritária do candidato ao Governo do Estado Mauro Carlesse (PHS).

Nesta quarta-feira, por volta das 10h, o ex-governador foi internado no Hospital Santa Tereza, em Palmas/TO, e diagnosticado com anemia e desidratação. Siqueira informa que não encabeçará a chapa, não pela sua idade, mas por fatos como o ocorrido na manhã desta quarta que o impediriam de visitar os 139 municípios tocantinenses e abraçar e corresponder com a sua presença, o desejo que o eleitor tem de conduzi-lo ao Senado da República. 

 Siqueira Campos discursa durante convenção que aclamou o governador Mauro Carlesse (1ºE) candidato à reeleição

Ainda segundo o ex-governador, após entendimentos mantidos com a presidente do Democratas, deputada federal Dorinha Seabra Rezende e com seu companheiro de chapa, ex-deputado federal Eduardo Gomes (SD), comunicou que continuará na chapa, mas na condição de primeiro suplente de Gomes, podendo assim, quando chamado, continuar contribuindo com o Tocantins. 

Com a decisão de Siqueira, os papeis se invertem e Eduardo Gomes que, até o dia de hoje, ocupava a primeira suplência do ex-governador, é catapultado a cabeça da chapa que disputará a vaga ao Senado.

Siqueira Campos lembrou ainda que seu antepassado Toninho Siqueira Campos e o Brigadeiro Eduardo Gomes fizeram história no famoso episódio dos 18 do Forte de Copacabana. E que aos 17 anos, inspirado no Brigadeiro Eduardo Gomes, filiou-se à União Democrática Nacional (UDN), que é o DNA de seu atual partido, o Democratas. “Comecei a minha vida pública com o Brigadeiro Eduardo Gomes e parto para finalizá-la com o jovem Eduardo Gomes, meu companheiro de chapa, que desde os seus 17 anos me acompanha na vida pública”, concluiu o ex-governador. 

Trabalhar como um touro

Durante a convenção que aclamou o governador Mauro Carlesse como candidato à reeleição, o ex-governador Siqueira Campos afirmou em seu discurso que iria trabalhar duro pelo fortalecimento da economia do Estado, para proporcionar melhores condições de trabalho, remuneração e renda aos tocantinenses.

"Vou trabalhar como um touro, sempre que estiver funcionando o Congresso Nacional, ou em minha casa, que é a casa do povo tocantinense. Cada um pode levar sugestão, pode levar projetos, porque eu vou estar a serviço de vocês", disse na oportunidade.