Araguaína

Foto: Leila Mel  Desfile também contou com pelotões da PM, atletas e motociclistas Desfile também contou com pelotões da PM, atletas e motociclistas

Mesmo com breve garoa e tempo nublado, o público manteve a tradição e esteve presente na celebração do Dia da Independência Nacional. Cerca de seis mil pessoas assistiram ao desfile cívico-militar realizado na manhã desta sexta-feira, 7 de setembro, em Araguaína. As apresentações começaram na Praça das Bandeiras, local de concentração, passando pela Rua 2 de Julho, onde estava montado o palco com as autoridades, e seguiram até o Eco Parque Cimba.

Para o secretário municipal da Educação, Jocirley de Oliveira, a presença do público é importante para fortalecer o civismo que é ensinado nas escolas. “O Município desenvolve várias atividades pedagógicas para desenvolver o patriotismo. O desfile é mais um evento cultural desse trabalho, uma tradição que precisa ser resgatada e mantida. Por isso, desde 2016, o desfile é realizado no Bairro São João, facilitando a presença da população”.

Puxado pelas faixas, porta-bandeiras e Fanfarra Municipal, cerca de três mil participantes se apresentaram. Além do tradicional desfile dos alunos das escolas municipais, particular e estaduais, também contou com pelotões de instituições, atletas e motociclistas.

A aluna do Colégio Santa Cruz, Giovana Carbonera, de 14 anos, carregou no mastro o símbolo de sua escola. “É muito importante celebrar a liberdade e nossos símbolos”.

O aposentado Raimundo Martins, 70 anos, foi assistir às apresentações de suas netas. Ele relembra com saudosismo dos desfiles antigos e de quando assistia para ver o filho desfilar. “Eu criei meu filho com patriotismo, pelo prazer de participar do desfile, isso é importante, e passo para minhas netas. A educação precisa ser a alegria do Brasil”.

A transformação por meio da educação é destacada pelo diretor Regional de Educação de Araguaína, José da Guia Pereira Silva. Ele conta que ver a união das instituições no desfile cívico é um sinal do resgate do patriotismo. “O sentimento de pátria é fundamental para motivar o desenvolvimento social, não só na educação, mas em todos os meios”.

Participantes

Além das instituições de ensino, o desfile contou com a participação de outras instituições convidadas: Clube dos Desbravadores, Assembleia Raios de Esperança, Ordem DeMolay e Ação Paramaçônica Juvenil (APJ); Grupo de Corrida de Rua, ciclistas do grupo MTB, skatistas, patinadores; motoclubes; Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar.