Polí­tica

Foto: Divulgação

Os diretores do Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais do Tocantins (SINPRF-TO) estiveram em Brasília/DF nesta semana, entre os dias 14 e 16, buscando apoio do parlamento às demandas dos policias, em especial ao que se refere a aposentadoria da classe.

Além do presidente da entidade, Marco Gomes, representaram o sindicato os diretores Edilez Brito (delegado representante em Brasília) e Jordino Oliveira (diretor Jurídico). Todos buscavam apoio em mudanças no texto da PEC 06/2109, da Reforma da Previdência.

Para o diretor Jurídico, Jordino Oliveira a PEC 06/19, admitida na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, apresenta claros pontos de inconstitucionalidade. Já Edilez Brito garante que o sistema sindical continuará a busca pela manutenção dos direitos dos Policiais Rodoviários Federais.

Os sindicalistas conseguiram apoio de diversos parlamentares do Tocantins e de outros estados, inclusive com a propositura de emendas que alteram o texto da proposta enviada pelo governo Jair Bolsonaro ao Congresso Nacional. Aspectos como idade, gênero, tempo de serviços e outros aspectos têm sido constantemente alvo de críticas dos policiais.

Na próxima semana a categoria participará de uma manifestação em Brasília contra a Reforma da Previdência.