Polí­cia

Após novos episódios de violência no campo registrados em dois municípios do Tocantins (Brejinho de Nazaré e Ipueiras) no Acampamento Clodomir Santos de Morais, a Defensoria Pública do Estado do Tocantins (DPE-TO) cobrará providências de autoridades de segurança do Estado. A DPE-TO já acompanha o caso. Na semana passada, a DPE já havia feito atendimento a famílias ligadas ao Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) de Brejinho de Nazaré.

No começo da tarde desta quarta-feira, 23, conforme informações de sem-terras assistidos da DPE-TO, novos incidentes teriam sido registrados no Acampamento Clodomir Santos de Morais, do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), localizado no município de Ipueiras.

Diante da informação, a Defensoria Pública Agrária (DPAGRA), busca informações detalhadas para realizar novo atendimento. O defensor público Pedro Alexandre Conceição, coordenador do Dpagra, acompanha diretamente os casos.

Ainda conforme o Dpagra, de imediato, outro boletim de ocorrência será feito. Além disso, um novo agendamento para atendimento das famílias. E, também imediatamente, serão cobradas providências das autoridades de segurança, segundo a Defensoria.